Pular para o conteúdo principal

Também quero uma mãozinha do governo

O Governo vai liberar 6,5 bilhões de reais para agricultores e para a construção civil. Por causa da crise internacional e da falta de crédito, o governo considera que esses setores precisam ser ajudados.

Não estou entendendo nada. Que eu saiba, boa parte dos donos de construtoras e incorporadoras decidiu, espontaneamente, abrir o capital de suas empresas nos últimos anos. Quando eles fizeram o IPO, ganharam uma bolada (assim como os bancos e os escritórios de advocacia que os assessoraram). Há muito tempo já se falava que não havia espaço para as quase 20 empresas do setor na bolsa e que cedo ou tarde começaria um movimento de consolidação. Mesmo assim, pressionados por analistas e investidores todos os trimestres, os executivos e donos dessas empresas decidiram comprar terrenos e fazer lançamentos -- já que esse é um dos aspectos mais valorizados na hora de precificar uma ação. Em março deste ano, época em que a maioria das empresas começa a pagar os bônus de seus executivos, essas construtoras deram generosas bonificações para seus diretores e presidentes. Agora que a crise chegou, essas companhias estão sem capital de giro para construir o que prometeram -- e é aí que entra a mão do governo. Ou melhor: o meu dinheiro e o seu.

Não tem cabimento o governo emprestar dinheiro para empresários que tomaram decisões de negócios erradas. Capitalismo, como se sabe, implica em risco. E cada um deveria assumir os seus.

Eu não posso investir em ações (ninguém aqui da redação pode, para evitar possíveis conflitos de interesses). Mas tinha um dinheirinho num fundo de ações (esse está liberado). Obviamente, perdi parte dele. Isso deveria ser problema meu, já que EU tomei a decisão de aplicar minha grana ali e EU decidi assumir esse risco. Mas se o governo vai começar a abrir precedentes, acho que tenho o direito de pedir um dinheirinho em Brasília também.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

O que são adivinhas, advinhações, o que é o que é, folclore, humor, cultura popular
Adivinhas: humor e desafioO que sãoAs adivinhas, também conhecidadas como advinhações ou "o que é, o que é" são perguntas em formato de charadas desafiadoras que fazem as pessoas pensar e se divertir. São criadas pelas pessoas e fazem parte da cultura popular e do folclore brasileiro. São muito comuns entre as crianças, mas também fazem sucesso entre os adultos.Alguns exemplos de adivinhas:- O que é que é surdo e mudo, mas conta tudo?
Resposta: o livro- O que é o que é que sempre se quebra quando se fala?
Resposta: o segredo- Ele é magro pra chuchu, tem entes mas nunca come e mesmo sem ter dinheiro, dá comida a quem tem fome?
Resposta: o garfo

- O que é que passa a vida na janela e mesmo dentro de casa, está fora dela?
Resposta: o botão- O que é o que é feito para andar e não anda?
Resposta: a rua- O que é o que é que dá muitas voltas e não sai do lugar?
Resposta: o relógio- Qual é a piada do fotógr…

Frases de Amor e Frases Românticas

Frases de Amor e Frases Românticas, belas palavras de carinho, frases perfeitas para você se declarar ao seu amor. Agrade quem você ama com essas belas frases de amor, de amizade, de carinho…



“Ainda que nas noites frias e solitárias, sinto o vento me acariciar, mas ao mesmo tempo me lembro de você ao meu lado a me amar…”
Roberto Klaro



“Um dia ousei sonhar um amor, e nos seus braços senti paz, na imensidão do seu prazer me realizei, e então acordei desse sonho fora da lei!”
Adriana Mallet



“A velocidade do amor é proporcional às concentrações de respeito, humildade, alegria, amizade, sinceridade e compromisso presente na vida de cada um de nós, multiplicada por uma constante essencial em nossos corações: a capacidade de amar.”
Edilene Gadelha



“Ao tocar seu coração pude sentir algo diferente acontecer,forte como um vendaval e lindo como um amanhecer.”
Alan Capato



“Se tudo o que existe no mundo possuísse uma fonte de energia, com certeza a minha seria você.”
Willians Levi

“O verdadeiro amor não traz…

Cronologia (1960 – 2008)

---------------------------------------------------------------------

1960

---------------------------------------------------------------------







13.fev.1960 - A França explode sua primeira bomba atômica.

14.fev.1960 – Um grupo de sobralenses funda o Rotary Clube de Sobral. Sua primeira diretoria estava assim constituída – Presidente: José Silvestre Saboia de Albuquerque (Zeca); Vice-presidente: José Mendes Mont’Alverne (Dr. Zé Alverne); Secretário: Armando Homem de Siqueira; Tesoureiro: Raul Vieira Lima; Diretor de Protocolo: Antonio Albuquerque Lopes; Diretores sem pasta: Edmundo Monte Coelho e José Walmir Frota.

05.mar.1960 - Após dois anos servindo o Exército, Elvis Presley retorna à vida civil.

02.abr.1960 - Em acordo assinado com a França, a ilha de Madagascar torna-se um Estado independente dentro da comunidade francesa.

03.abr.1960 - Uma coligação entre radicais e conservadores ganha as eleições gerais no Chile.

04.abr.1960 - É realizada a entrega do Oscar nos EUA. Foram agraciados …