Dono da Cyrela diz que durante a crise o melhor é não fazer nada

O empresário Elie Horn, dono da Cyrela, a maior construtora do país, é um empresário tão bem-sucedido quanto discreto. Entrevistas suas são artigo para lá de raro. Tempos atrás fiz uma matéria de capa sobre ele e nem assim Horn topou falar com Exame (leia aqui a reportagem). Por isso, quando ele abre a boca publicamente vale a pena escutar. Acabo de receber um material de Wharton, a prestigiada escola de negócios da Universidade da Pensilvânia, que traz uma entrevista com Horn. O empresário diz que a melhor coisa a fazer durante essa crise é "ficar quieto" e esperar para ver como a situação caminha. "Minha história é de ganhar dinheiro quando existe um boom, não em crise. Quando há uma crise, fique quieto. Nós não gostamos de especular. Nós gostamos de ficar seguros", afirma ele.

Horn também comenta sobre as maiores dificuldades que enfrentou em termos de liderança em seus quase 45 anos de carreira. Segundo ele, o mais complicado é convencer as pessoas de que o mundo mudou -- como está acontecendo agora. "As pessoas não querem enxergar a verdade", afirmou o empresário. Para ele, esse estado de negação, inerente ao ser humano. é um dos maiores obstáculos no mundo dos negócios.

Para ler a entrevista completa -- algo que eu recomendo fortemente -- clique aqui.

P.S. Estaremos em férias coletivas de 22 de dezembro a 2 de janeiro. Durante esse período pretendo seguir à risca o conselho de Horn e... não fazer nada. Só quero descansar muito porque 2009 promete ser "bravo".

Ótimo final de ano para todos!
Fonte: Cristiane Correa

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas