quarta-feira, 29 de julho de 2009

Mano admite queda de rendimento, mas promete reação

Antes relutante em afirmar que a saída de alguns titulares poderia prejudicar o futebol da equipe, o técnico do Corinthians, Mano Menezes, agora já admite que o time caiu de rendimento depois de perder André Santos, Cristian e Douglas. Mas promete uma reação do Alvinegro nos próximos jogos do Campeonato Brasileiro.

"O importante é entendermos este momento que atravessamos. Até bem pouco tempo, estávamos jogando um bom futebol e os adversários precisavam se adaptar a nós. Tivemos uma queda de produção e, por isso, temos que tomar alguns cuidados para não deixar nossa equipe vulnerável", avaliou o treinador, prevendo melhores dias para seu time em breve.

"Temos trabalhado de uma maneira muito transparente e assim que deve ser. Estamos sofrendo um pouco neste momento, mas logo vamos estar jogando de forma mais consciente novamente", prometeu Mano Menezes.

Ciente das dificuldades que o clube atravessa, o treinador corintiano vai testando alternativas para as carências do time, como é o caso da armação de jogadas. Sem Douglas, que partiu para o Al Wasl, Mano aposta em Morais na meia da equipe.

"O substituto do Douglas pode ser o Morais, mas não com as mesmas características. O Morais é um jogador de mais mobilidade, que deixa mais o lugar da armação centralizada, o que não o impede de assumir a vaga na meia", afirmou o comandante do Corinthians.

Fenômeno passa bem após cirurgia na mão esquerda

A Fiel Torcida recebeu uma boa notícia na manhã desta quarta-feira. Operado no Hospital São Luiz, na região do Itaim, para corrigir fraturas do 3º e 4º metacarpos da mão esquerda, o atacante Ronaldo passa bem.

Segundo o médico Joaquim Grava, que supervisionou o procedimento realizado pelo doutor Alexandre Santa Cruz, a correção das fraturas foi feita com sucesso através da inserção de placas nos metacarpos e de 12 parafusos no local afetado.

O Fenômeno deverá receber alta dos médicos já na quinta-feira e iniciar o procedimento fisioterápico para retornar o mais rapidamente possível aos campos. O Corinthians espera que o jogador possa retornar aos treinos físicos em dez dias, mas Ronaldo deverá ficar fora do time pelas próximas cinco semanas.

Atacante Souza pode trocar Corinthians pelo Fluminense

A diretoria do Fluminense continua procurando reforços para o ataque. Vários jogadores estão na lista entregue por Renato Gaúcho. Depois da contratação de Roni, o corintiano Souza pode ser o segundo da relação. O atacante, que já defendeu Vasco e Flamengo, deve se reunir com a diretoria e com o patrocinador do clube tricolor para discutir um possível contrato.

Como Fred vai ficar parado por mais de dois meses por causa da lesão muscular, o Fluminense tem pressa em se reforçar. O Corinthians já liberou o atacante, que disputou apenas seis partidas no Campeonato Brasileiro e tem condições de se transferir para qualquer oura equipe do país.

Carlos Leite, empresário de Souza, já teve o primeiro contato com a direção do Fluminense e avisou que Souza não pretende receber nas Laranjeiras um salário muito inferior ao que ganha no Parque São Jorge, onde é um dos mais bens pagos do elenco.

Na relação entregue pelo treinador à diretoria também consta o nome de Marcinho que defendeu o Flamengo no início do Brasileirão de 2008 e que joga no Qatar SC. Geovanni, revelado pelo Cruzeiro e com passagens por Barcelona e Benfica, que hoje defende o Hull City, da Inglaterra, também poderia ser uma opção caso a tentativa com Souza fracasse.

Segundo fontes da diretoria tricolor, ele viria por empréstimo. Seu empresário, Roberto Assumpção, acha que essa será uma negociação difícil mas não fechou as portas ao clube das Laranjeiras. Adeílson, ex- Ipatinga, atualmente vinculado ao Nice da França também já foi sondado.

Corinthians perde zagueiro, suspenso por três jogos pelo STJD

Além de ocupar a reserva, o zagueiro Jean terá que lidar com mais uma dificuldade no Corinthians. Nesta quarta-feira, o defensor foi julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por sua expulsão na derrota por 3 a 0 para o Grêmio, no último dia 12. Como punição, o jogador foi suspenso por três partidas.

No confronto em Porto Alegre, Jean foi expulso ainda no primeiro tempo, quando o Corinthians perdia por 2 a 0. Após uma falta cometida por Cristian, o zagueiro, percebendo que o volante seria punido com o cartão amarelo, reclamou com o árbitro e ele mesmo acabou recebendo o amarelo. Como já tinha um, foi expulso, com o juiz relatando na súmula que foi ofendido pelo defensor.

Suspenso por três jogos, Jean já cumpriu uma partida pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. Além disso, está liberado para atuar no jogo do Corinthians nesta quarta-feira, contra o Santo André, porque a pena só começa a valer um dia após o julgamento. Assim, Jean desfalcará o time corintiano nos confrontos diante do Avaí e do Náutico.

Corinthians pode contratar ex-atacante da Seleção

Com Ronaldo Fenômeno parado, por conta da lesão em sua mão, a diretoria do Corinthians já corre atrás de um substituto. E a Fiel pode se animar. Após contratar o desconhecido Bill, os dirigentes querem um nome de impacto, que pode ser de Rafael Sóbis.

O ex-atacante do Internacional, Seleção Brasileira e atualmente no Al Jazira, dos Emirados Árabes, se recupera de uma contusão e só deve voltar a jogar em outubro. Enquanto isso, o diretor de futebol Mário Gobbi e o presidente Andrés Sanches mantém contato com o empresário do jogador, Jorge Machado.

E para quem não sabe, esta, se concretizar, não será a primeira passagem de Sóbis pelo Timão. O jogador já defendeu o Corinthians na época do juvenil e ficou por pouco tempo.

Atualmente, o alvinegro de Parque São Jorge conta em seu setor ofensivo com Dentinho e Jorge Henrique, os titulares, além de Souza, que deve ser negociado, Henrique, Bill e Marcelinho, das categorias de base.

Na noite desta quarta-feira, o Timão encara o Santo André, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Timão está em quinto, com 23 pontos.

Ponte Preta 0 x 1 Campinas - Águia leva a melhor no derbinho

Na primeira vez que Ponte Preta e Campinas se enfrentaram por uma competição profissional, a Águia venceu por 1 a 0, na tarde desta quarta-feira, no Estádio Ítalo Mário Limongi, em Indaiatuba, pela quarta rodada da Copa Paulista. O único gol do jogo saiu aos 15 minutos do segundo tempo, em cobrança de pênalti de Alan.

Com a segunda vitória seguida na competição, o Campinas pulou para a quarta colocação do Grupo 3, com seis pontos. Já a Macaca vem de uma sequência inversa, e a derrota foi a segunda consecutiva, deixando a a equipe alvinegra na terceira posição, também com seis pontos, mas com saldo de gols superior.

O jogo
A forte chuva que caiu em Indaiatuba deixou o gramado pesado e atrapalhou a partida, que foi marcada por muita pegada e forte marcação de ambos os lados. A Ponte teve a primeira chance de tirar o zero do placar aos nove minutos, quando Léo chutou de fora da área com muito perigo, por cima do gol. Aos 20, Maurílio quase fez o primeiro da Macaca após cruzamento de Galvão, mas o goleiro Elton fez boa defesa.

Na etapa final, o Campinas abriu o placar aos 15 minutos. Paulinho e Fernando Russi disputaram bola dentro da área e o juiz Paulo Estevão da Silva marcou pênalti para o time campineiro. O atacante Alan cobrou no canto direito do goleiro Reynaldo, que acertou o canto mas não evitou o gol da Águia.

Depois, a Ponte ainda teve boas chances de empatar, com César e Dener, mas o caçula da cidade segurou o resultado e alcançou a segunda vitória consecutiva na Copinha, dando mostras que vai reagir após o mau começo. Já a Macaca alcançou a segunda derrota seguida e acendeu o sinal de alerta.

Próximos jogos
Pela quinta rodada da competição, a Ponte Preta volta a campo no próximo sábado, contra o Atlético Sorocaba, às 16 horas, fora de casa. O Campinas, por sua vez, joga somente no dia 19, contra o Ituano, eàs 15 horas, em Campinas.

Ficha Técnica

Ponte Preta 0 x 1 Campinas

Local: Estádio Ítalo Mário Limongi, em Indaiatuba-SP
Árbitro: Paulo Estevão Alves da Silva
Gol: Alan, aos 15'/2T (Campinas)

Ponte Preta
Reynaldo; Romeu (Paulinho), Renan, Marrom e Galvão; Gercimar, Léo, Amagno (Fabrício) e Kim (César); Dener e Maurílio.
Técnico: Flamarion Nunes.

Campinas
Elton; Moraes, Bruno e Samuel; Tiago (Jonatan), Danilo, Leandro, Fernando Generoso (Saimon) e Fábio; Fernando Russi e Alan (Everton).
Técnico: João Batista.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

CORINTHIANS

FUNDAÇÃO
» Um grupo de homens de vida humilde - os pintores de casa Joaquim Ambrósio, Antônio Pereira e César Nunes; o sapateiro Rafael Perrone; o motorista Anselmo Correia; o fundidor Alexandre Magnani, o macarroneiro Salvador Lopomo, o trabalhador braçal João da Silva e o alfaiate Antônio Nunes - decidiram fundar o seu próprio clube de futebol. No dia 01 de setembro, à altura do número 34 da Avenida dos Imigrantes (atual José Paulino), no Bom Retiro, eles se reuniram e redigiram o primeiro estatuto do clube. Faltava apenas financiamento para o sonho se realizar. Foi aí que Miguel Bataglia entrou em cena. Bataglia era um requintado alfaiate; aceitou participar e foi oficialmente nomeado o primeiro presidente.
» O clube já tomava uma cara, mas faltava o nome. As idéias passaram por Santos Dummont, Carlos Gomes e até Guarani, mas nenhuma delas foi escolhida. Foi então que Joaquim Ambrósio sugeriu homenagear o famoso time inglês que fazia uma excursão pelo país: o Corinthian Football Club. O clube que se tornaria o mais querido do Brasil já tinha nome. A torcida e a imprensa chamavam a equipe de Corinthian’s Team. Assim, a letra "s" foi acrescentada ao nome, e o clube ganhou o elegante nome Corinthians.

Os primeiros jogos
» A estréia aconteceu dez dias após a fundação, em 10 de setembro de 1910. O adversário era o União da Lapa, uma respeitada equipe da várzea paulistana. Jogando fora de casa e esperando levar uma goleada, o Corinthians já mostrava que não estava para brincadeiras, e jogando com muita raça, acabou perdendo por apenas 1 a 0.
» Foi apenas um deslize. Quatro dias depois, o Corinthians já mostraria que nasceu para vencer: 2 a 0 sobre o Estrela Polar. A honra do primeiro gol coube ao atacante Luís Fabi, que assim entrou para a história do clube. Depois disso, foram dois anos de invencibilidade.
» Com os bons resultados e o crescimento da torcida - que desde sempre já se mostrava fiel e fanática - o Timão passou a pleitear uma vaga no Campeonato Paulista. A Liga Paulista resolveu conceder uma chance, mas o Corinthians teria que disputar uma eliminatória. Não deu outra: dois jogos, duas vitórias - 1 a 0 no Minas Gerais e 4 a 0 no São Paulo do Bexiga - e o passaporte carimbado para disputar o Paulistão.
» Na primeira partida oficial, o Timão tropeçou no Germânia, perdendo por 3 a 1. Mas Joaquim Rodrigues escreveu seu nome na história do Corinthians como o autor do primeiro gol em partidas oficiais. O Coringão acabou seu primeiro Paulista em 4o. lugar.
» Em 1914, começava a hegemonia: no segundo Campeonato Paulista que disputou, o Corinthians não deu chance para os adversários. Uma campanha arrasadora, com dez vitórias em dez jogos, 39 gols marcados e goleadas para todos os lados. Neco (12 gols) ainda se sagrou o artilheiro da competição.
» Começava assim a história futebolistica do Sport Club Corinthians Paulista.

Recorde de expulsões no futebol brasileiro

Portuguesa de Desportos e Botafogo-RJ jogavam pelo Torneio Rio-São Paulo de 1954, no Pacaembu. Mas a partida acabou aos 31 minutos do segundo tempo, quando estava 3 x 1 para a Lusa. Tudo porque os 32 jogadores acabaram expulsos de campo. A confusão começou com o zagueiro Thomé, do Botafogo, que tentava cobrar um tiro de meta enquanto o atacante Ortega, da Lusa, catimbava, tentando ganhar tempo. Os dois discutiram, trocaram socos e pontapés e acabaram envolvendo os outros jogadores. O juiz da partida, Carlos de Oliveira Monteiro, ficou assistindo a briga, esperou a coisa acalmar e, no final da confusão, expulsou todo mundo: Lindolfo, Nena, Valter, Herminio, Clóvis, Ceci, Dido, Renato, Nelsinho, Edmur e Ortega, da Portuguesa; Pianowski, Thomé, Floriano, Ruarinho, Bob, Juvenal, Garrincha, Dino da Costa, Carlyle, Jaime e Vinícius, do Botafogo. Naquele dia, só escaparam Osvaldinho, da Lusa, e Araty, do Botafogo, que haviam sido substituídos por Nelsinho e Ruarinho.

Corinthians x Santos - 11 anos - Esse tabú existiu ?

Se fala muito que o Corinthians ficou quase onze anos sem vencer a equipe do Santos, isso não é verdade.
- O tal tabu, se refere apenas em jogos do campeonato paulista. Durante o periodo de 1957 e 1968, Santos e Corinthians fizeram 22 partidas pelo campeonato estadual, com 16 vitorias da equipe santista e 06 empates.
Porém o Corinthians venceu o Santos 04 vezes:
27/03/1958 Corinthians 2 x 1 Santos
21/03/1960 Corinthians 2 x 1 Santos
29/03/1961 Corinthians 2 x 0 Santos, estes três pelo torneio Rio-São Paulo e,
16/06/1962 Corinthians 3 x 1 Santos (Taça São Paulo).

Corinthians - O ataque dos 103 gols

O Corinthians sempre jogou para frente, em função do gol, amparado pela mística da sua camisa e contaminado pela paixão de sua torcida. Na conquista do Campeonato Paulista de 1951, o time levou essa máxima às últimas conseqüências e conseguiu um recorde histórico, ao fazer 103 gols. O centésimo gol foi marcado por Carbone, parceiro de Cláudio, Luizinho, Baltazar e Mário no mais infernal ataque da história corintiana.

A final do campeonato foi disputada em 27 de janeiro de 1952 e o timão
venceu o Palmeiras por 3 a 0. Ao todo, foram 28 jogos, 24 vitórias, 2 empates e 2 derrotas, com 103 gols a favor e 37 contra (saldo de 66 gols). Marcaram naquele ano inesquecível: Carbone (30 gols), Baltazar(25), Cláudio (18), Luizinho (13), Jackson (9), Nelsinho (2), Colombo (2), Roberto (1), Sula (1), Mário (1) e Idário (1).

Coritiba ?? Por que não Curitiba!!

Um capítulo importante na história do Coritiba Foot Ball Club é a grafia do nome que identifica o maior vencedor do estado do Paraná. Por que Coritiba se a cidade se chama Curitiba? É evidente que o nome foi para mostrar a integração de seus fundadores com a cidade. Primeiro, ele se chamou Coritibano FC, nome mudado logo nos seus primeiros meses, para não fazer confusão com o Clube Curitibano. O nome da cidade se grafava Curityba, com o y depois do t, que era um nome tupi-guarani, significando "muito pinhão". Em uma das reformas ortográficas, a cidade passou a ser grafada como Coritiba, existindo até os dias atuais inúmeros bustos e estátuas na cidade com essa grafia. E veio uma nova reforma, passando a ser Curitiba, mas o clube, já com o nome consagrado, preferiu ignorar a mudança.

Partido Pirata Português



Descobri mais um link interessantes sobre desenhos animados dos anos 80. Aproveito para relembrar os anteriores links sobre o mesmo tema (ver http://linksinteressantes.blogspot.com/2008/04/enciclopdia-de-desenhos-animados.html e http://linksinteressantes.blogspot.com/2006/02/mais-um-momento-de-nostalgia.html) e continuo a lamentar o "Dibuani.com" não funcionar!

http://www.80scartoons.net/

Corinthians prorroga contrato de lateral até o final de 2010

Mesmo com a expulsão no clássico diante do Palmeiras, a diretoria do Corinthians resolveu prorrogar o contrato do lateral-direito Alessandro. Agora, o vinculo do jogador com o Timão acaba somente no dia 31 de dezembro de 2010. Com isso, Alessandro está confirmado no grupo que irá disputar a Copa Libertadores da América, no primeiro semestre do próximo ano.

A prorrogação de contrato do jogador foi divulgada no Boletim Informativo Diário (BID) da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) nesta segunda-feira. A diretoria resolveu aumentar o tempo de contrato com o lateral para evitar perder mais um atleta e minimizar as criticas em relação ao desmanche que tem ocorrido.

Do time que jogou a final da Copa do Brasil e foi campeão, três jogadores já deixaram o Timão. O volante Cristian e o lateral-esquerdo André Santos foram para o futebol da Turquia, enquanto o meia Douglas acertou com o Emirados Árabes. Ates deles, Otacílio Neto, Welligton Saci e Marcelo Oliveira tinham deixado o clube.

Na última rodada, o Corinthians foi derrotado pelo Palmeiras, por 3 a 0, no clássico disputado na cidade de Presidente Prudente. Com 23 pontos, o Corinthians aparece na quinta colocação.

Kaká faz primeiro treino com Real Madrid, que está completo

O meia Kaká realizou nesta segunda-feira o primeiro treino com os demais jogadores do Real Madrid. Além do brasileiro, juntaram-se a equipe os espanhóis Casillas, Albiol e Sergio Ramos. Todos tiveram um período maior de férias após disputa a Copa das Confederações na África do Sul. Com isso, o grupo está completo para concluir a preparação para a temporada 2009/2010.

Em seu primeiro treinamento, que ocorreu 17 dias depois dos demais jogadores, Kaká se mostrou bastante descontraído e sorridente. O jogador chegou a brincar com os atletas de língua portuguesa, como Cristiano Ronaldo, Pepe e Marcelo.

O técnico chileno Manuel Pellegrini não pode contar com o jogador na disputa da Copa da Paz. No último domingo, o Real Madrid empatou com o Al-Ittihad por 1 a 1 e atuou com um quarteto ofensivo armado com Wesley Sneijder, Cristiano Ronaldo, Raul e Karim Benzema. Naturalmente, Kaká deve entrar na vaga do holandês.

O camisa 8 do Real Madrid deve fazer sua estreia com a camisa merengue apenas no dia 7 de agosto, quando o time realizará um amistoso contra o Toronto FC, no Canadá.

Olympique de Marselha acerta contratação de Morientes


Morientes novo reforço do Olympique.

Sem clube desde que não teve o contrato renovado com o Valencia, na última temporada, o atacante Fernando Morientes foi anunciado como novo reforço do Olympique de Marselha nesta segunda-feira.

O jogador assina contrato de dois anos e chega com moral na nova equipe. "Ele tem categoria para estar entre os melhores do mundo", destacou o técnico Didier Deschamps.

Morientes ganhou notoriedade ao ser titular do Real Madrid e da seleção espanhola no final da década passada. Aos poucos, porém, foi perdendo espaço no time merengue, que o liberou por empréstimo ao Monaco em 2003 e o dispensou dois anos depois.

Depois disso, Morientes passou ainda por Liverpool e Valencia, mas não recuperou o faro de gol e saiu dos planos da seleção espanhola. Deschamps, que já avisou que o atleta de 33 anos será poupado em algumas ocasiões para aguentar o ritmo da temporada, justifica a aposta no atacante.

"Gostaríamos de ter contratado um jogador que fez 20 gols na última temporada, mas não temos condições de pagar um mínimo de 15 milhões de euros", concluiu.

Juventude rejeita proposta do Arsenal por Zezinho



Considerado maior promessa do Juventude, o meia-atacante Zezinho poderá estar de saída do Alfredo Jaconi. Muito especulado em equipes de grande porte europeu, o jogador de apenas 17 anos, no elenco profissional alviverde desde os 15, poderá ter o futebol inglês como novo destino.

Após uma forte sondagem do Liverpool em maio, o clube de Caxias do Sul teria recebido uma proposta de US$ 1,8 milhão do Arsenal, famoso por contratar promessas ainda muito jovens, rejeitada pela cúpula alviverde.

A cláusula de rescisão de Zezinho é de R$ 40 milhões, mas, para ficar com uma porcentagem dos direitos federativos do meia-atacante e lucrar mais em uma possível negociação futura, o Juventude aceitaria uma proposta abaixo da multa.

Atrasado, Ibra jura amor ao Barça e leva Camp Nou à loucura


Ibrahimovic recebe camisa 9 de Joan Laporta

Duas horas de atraso não foram suficientes para diminuir a euforia dos torcedores do Barcelona no dia da chegada de Zlatan Ibrahimovic. Um público de cerca de 75 mil pessoas aguardou pacientemente a primeira aparição do sueco com a camisa azul-grená e muitos passaram dos limites para saúda-lo.

'Ibra' economizou nas palavras na hora do discurso: "Obrigado a todos e viva o Barça!", disse, antes de beijar o escudo do clube, fazer as tradicionais embaixadinhas e tentar dar uma volta no gramado.

Tentar porque os seguranças tiveram muito trabalho para conter os fãs que queriam invadir o gramado. O atacante, então, seguiu mais cedo para o vestiário, mas acabou desencadeando uma nova onda de desespero.

Alguns torcedores conseguiram vencer os seguranças, mas não conseguiram alcançar o astro. Assim, se contentaram em arrancar pedaços do novo gramado do Camp Nou, instalado há apenas dois dias.

O público para Ibrahimovic superou o de Ronaldinho Gaúcho (20 mil pessoas em 2003) e Thierry Henry (35 mil em 2007) e se tornou a apresentação de um reforço do Barça com maior público.

Sonho realizado: Antes de ser recebido pela torcida, o sueco foi apresentado à imprensa. O evento também atrasou (uma hora e meia) porque a contratação de Eto'o, utilizado como moeda de troca, ainda não havia sido oficializada pela Internazionale.

Apesar da demora, o primeiro a falar foi o presidente Joan Laporta, que apontou Ibrahimovic como "uma das maiores contratações da história do clube". O dirigente, então, passou a palavra para o secretário técnico Txiki Berigistain, que afirmou que a chegada do reforço "é um sonho realizado" e se emocionou quando o jogador disse a mesma coisa.

"Ninguém sabe, mas disse para Moratti (Massimo, presidente da Inter) que queria jogar no Barça. É muito difícil para um presidente vender um jogador tão importante para a equipe. Disse a ele que só uma equipe poderia me comprar e esta equipe é o Barcelona", contou o jogador.

"Estar no Barça é uma grande honra. Existem grandes clubes, mas só um é como o Barcelona. Espero virar um jogador melhor. Estou aqui para ganhar, não só por dinheiro. Sempre miro algo à frente. Estou aqui para aprender e desfrutar", completou.

Ibra aproveitou para avisar que não quer saber de comparações com Eto'o. "Não estou aqui para substituí-lo. Sou diferente. Realizei um sonho e estou aqui para trabalhar". O sueco ainda se recusou a estipular uma meta de gols para a próxima temporada.

"Sempre quero marcar mais do que na temporada passada. Na última, foram 25 gols. Mas não quero colocar uma cifra em minha cabeça. Minha meta é ajudar a equipe", concluiu o novo dono da camisa nove azul-grená.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Beckham minimiza críticas e confusão com torcida do LA Galaxy



O astro inglês David Beckham minimizou as críticas e a confusão vindas dos torcedores do Los Angeles Galaxy, no final de semana passado, em amistoso diante do Milan e que marcou sua reestreia pelo clube norte-americano. Na ocasião, ele até discutiu com um torcedor, que chegou a pular o alambrado para "brigar".

"Não sou eu que tenho que mudar. São essas outras pessoas. Naturalmente, não gosto que meu filho escute aquilo. É claro que a recepção que eu tive de uma pequena minoria de torcedores não foi positiva como gostaria, mas, em geral, a resposta foi boa", comentou Beckham.

Não foi bem assim. No amistoso contra o Milan, boa parte da torcida do LA Galaxy demonstrou irritação com o jogador, que atuou seis meses pelo time italiano e reiterou inúmeras vezes sua vontade de permanecer no clube de Milão. Várias faixas foram colocadas na arquibancada criticando o meia e pedindo a sua saída do clube.

Hoje, o meia admitiu que "nunca deixou de lado" o Los Angeles Galaxy e sempre mostrou desejo em defender o clube. "Vou continuar fazendo o que eu sempre fiz, que é treinar forte e me dedicar nos jogos", acrescentou.

Aliás, o inglês vem se envolvendo em polêmicas, como ocorreu após o lançamento do livro "The Beckham Experiment. No material, o atacante Donovan afirmou que o meia-atacante inglês não tinha comprometimento com o time de Los Angeles e com a MLS (Major League Soccer) antes de ir atuar no futebol italiano.
Arquitetada deste o fim da última semana, a negociação entre Barcelona e Inter de Milão, envolvendo principalmente a troca de Samuel Eto'o por Zlatan Ibrahimovic, deve se concretizar nesta quinta-feira. Uma parte da negociação já está definida, pois o camaronês aceitou se mudar para a Itália. Para que o restante do negócio aconteça, o Barcelona deve oferecer um salário exorbitante para o atacante sueco.


Enquanto Eto'o pode receber 12 milhões de euros, Ibrahimovic deve ganhar 13 milhões

Depois de surgir a notícia, na última quarta-feira, de que Eto'o poderia desistir do negócio para ganhar 5 milhões de euros no seu último ano de contrato com o Barcelona, o camaronês voltou atrás ao ouvir a proposta da Inter. Ele ganhará mais do que o dobro desta quantia, ou 10,5 milhões de euros por temporada, segundo informa nesta quinta o jornal Marca.

Para sair da Inter de Milão, Ibrahimovic deve ganhar uma quantia ainda mais representativa. De acordo com o diário As, o astro sueco deve assinar um contrato de cinco ou seis anos com o Barcelona, ganhando 13 milhões de euros líquidos por temporada.

Caso esse número se confirme, o sueco ganhará um salário bem superior ao que os novos "galácticos" do Real Madrid recebem. Eto'o também será melhor remunerado do que as estrelas do clube merengue. Cristiano Ronaldo e Kaká faturam, cada um, 9 milhões de euros líquidos por temporada.

Uma reunião ainda nesta quinta-feira, em Milão, deve servir para os últimos acertos entre os dois times, após o acordo entre Inter e Eto'o. Para contar com Ibrahimovic, o Barcelona pretende desembolsar 45 milhões de euros, além de ceder o atacante camaronês e emprestar por um ano o meia Alexander Hleb.

terça-feira, 21 de julho de 2009

Ferguson: 'Cristiano Ronaldo é melhor que Messi e Kaká'

O técnico do Manchester United, Alex Ferguson, disse nesta terça-feira que o atacante português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, é "o melhor do mundo, muito à frente de Kaká e Lionel Messi".

A ida de Cristiano Ronaldo do Manchester United para o clube espanhol representa "uma grave perda", reconhece Ferguson, "e também um desafio para nós, porque não será a mesma coisa" sem o atacante.

Ferguson não descarta, no entanto, que o português possa voltar algum dia ao clube no qual permaneceu por seis anos e que "amava", segundo o técnico.

Para o treinador, o atacante, de 24 anos, tem pela frente o melhor de sua carreira.

- O melhor dele está para chegar - opinou Ferguson, que atualmente está na Malásia durante a turnê do Manchester United pela Ásia.

Sem nenhum dirigente, Bill é apresentado

Na manhã desta terça-feira, o Corinthians apresentou seu novo reforço para a sequência do campeonato brasileiro e para o projeto da Libertadores 2010. Mas o curioso foi que nenhum dirigente estava presente para apresentar o jogador. Bill foi apresentado apenas pela assessoria de imprensa do clube.

O atacante terá um contrato de três anos e o Corinthians ficará com 65% deuma futura transferência, sendo o restante do Bragantino. Bill chega para completar as opções do ataque corintiano, que atualmente conta con Ronaldo, Dentinho, Jorge Henrique, Souza, Marcelinho e Henrique.

O novo atacante promete aprender com Ronaldo e já apresenta suas características.

- Tenho que me espelhar bastante no Ronaldo, por tudo o que ele já fez pelo futebol - disse Bill.

- Eu sou um jogador bastante forte, gosto de segurar bem a bola ali na frente e gosto de fazer gols, como um bom atacante - completou o novo corintiano.

Inter contrata lateral do Criciúma

Depois de dois meses de negociação, o Internacional conseguiu nesta terça-feira a contratação do lateral-esquerdo Lima, do Criciúma. O jogador se apresentará no Beira-Rio depois da Copa BH.

O Inter adquiriu 50% dos direitos. O Criciúma continuará com 30% e o procurador do atleta, Wellington Silva, com 20%. Os valores não foram divulgados.

Lima, de 17 anos e 1,78m, foi revelado pelas categorias de base do Criciúma e teve uma ascensão rápida. Saiu da equipe juvenil direto para time principal, pelo qual disputou mais de 30 jogos. Foi campeão do primeiro turno do Campeonato Catarinense e um dos destaques da competição.

Mano Menezes promove lateral-esquerdo Dodo da base

Com a transferência de André Santos para o Fenerbahce (TUR), ainda sem poder contar com Marcelo Oliveira e com o argentino Sérgio Escudero, ambos lesionados, o técnico Mano Menezes promoveu no treinamento de ontem o jovem lateral-esquerdo Dodô, de apenas 17 anos, para o elenco profissional.

Titular da Seleção sub-17 no título sul-americano da modalidade neste ano, o jogador é alvo de interesse do Manchester United (ING). Em maio, Dodô chegou a realizar um período de testes na Inglaterra. Caso feche a contratação do lateral, o clube inglês tem até o começo de fevereiro para desembolsar 6 milhões de euros (cerca de R$ 16,2 milhões).

Juventude e Ipatinga empatam o jogo

No frio de Caxias do Sul, Juventude e Ipatinga empataram em 2 a 2, em partida muito disputada, válida pela 13ª rodada da Série B do Brasileirão. Desta forma, o técnico Ivo Wortmann interrompeu uma sequência de três vitórias seguidas sob o comando do time gaúcho.

O Juventude foi logo para o ataque, mas o Ipatinga, recuado, marcava bem e evitava a entrada do time gaúcho em sua área. Com o jogo concentrado pelo meio, a equipe de Ivo Wortmann pouco assustava. Os dois times trocavam passes curtos, tentando manter a posse de bola.

O time da casa, então, passou a jogar pelas pontas, e logo aos 18 minutos, Bruno levantou da meia direita e Marcos Denner, sozinho, subiu livre e cabeceou no canto, abrindo o placar para o Juventude.

O Ipatinga teve de sair para o jogo. Amílton foi o mais perigoso no ataque do Tigre, tendo saído duas vezes na cara do gol. O atacante mineiro, entretanto, esbarrou em belas defesas do goleiro Juninho. O Juventude ainda teve chances de marcar com Ivo e Mendes, mas foi para o intervalo vencendo apenas por 1 a 0.

Na volta para a segunda etapa, o Ipatinga estava melhor em campo - aproveitando-se de um recuo do Ju, que pretendia sair nos contra-ataques. Não deu certo. Os mineiros, mais incisivos no ataque, chegaram ao empate aos 26, com Marinho Donizete. Ele foi lançado pela esquerda, entrou na área e fuzilou na saída do goleiro Juninho.

Os gaúchos se desequilibraram após o gol, tentando o segundo de qualquer maneira. Os jogadores se lançavam ao ataque em uma correria desordenada. Aos 43, a pressão deu resultado: Rogério, em novo cruzamento na área, pôs o Juventude na frente do placar. Entretanto, o que parecia impossível aconteceu. Marcelo Moscatelli, logo na saída de bola, empatou novamente para o Ipatinga, que levou um ponto para Minas Gerais.

FICHA TÉCNICAJUVENTUDE 2X2 IPATINGA

Local: Alfredo Jaconi, Caxias do Sul (RS)Data/Hora: 20/07/09 - 21hÁrbitro: Paulo Henrique Bezerra (SC)Assistentes: Angelo Rudimar Bechi (SC) e Kleber Lucio Gil (SC) Renda e público: Não divulgadosCartões amarelos: Bruno, Tiago Renz, Jackson, Mendes (JUV); Max Carrasco, Marinho Donizete, Thiago Matias, Márcio Santos, Lucas (IPA)Gols: Marcos Denner (1-0), aos 18'/1ºT; Marinho Donizete (1-1), aos 26'/2ºT; Rogério (2-1), aos 43'/2ºT; Marcelo Moscatelli (2-2), aos 44'/2ºT

JUVENTUDE: Juninho, Rogélio, Xavier e Mineiro (Allysson, aos 14'/2ºT) ; Jackson, Walker, Thiago Renz (Gustavo, aos 31'/2ºT), Bruno e Ivo; Marcos Denner (Diego Rosa, 32'/2ºT) e MendesTécnico: Ivo Wortmann

IPATINGA: Marcelo Cruz (Fred, INT.), Cláudio, Márcio Santos, Thiago Matias e Marinho Donizete; Max Carrasco, Lucas, Evandro e Márcio Diogo (Marcelo Moscatelli, aos 39'/2ºT); Amílton (Luís Fernando, aos 20'/2ºT) e Marcelo RamosTécnico: Emerson Ávila

Momento Saúde

Campanha ensina como prevenir o câncer do pênis

A Sociedade Brasileira de Urologia (SBU) inicia esta semana sua segunda Campanha Nacional de Esclarecimento sobre o Câncer de Pênis. Mais do que ressaltar a necessidade da boa higiene do órgão genital como método preventivo, a entidade vai promover uma ação de esclarecimento das doenças do homem e da importância de se visitar um urologista em todas as fases da vida - criança, adolescente, adulto e idoso.

Assim como em 2007, o ex-jogador de futebol Zico é novamente o padrinho da iniciativa. O site da entidade (www.sbu.org.br) contará com um programa em vídeo, chamado Cidadão Saudável, sobre a doença com entrevista com médicos e uma exclusiva com o atleta contando como ele cuida da saúde, além disso, haverá distribuição de panfletos nas ruas de diversas capitais.

- Sabendo a origem fica mais fácil identificar o melhor tratamento para aquele tumor específico. Há ainda poucos estudos no mundo sobre o câncer de pênis, sobretudo porque os países que realizam o maior número de pesquisas têm raríssimos casos da doença - diz o presidente da SBU, José Carlos de Almeida.

De acordo com levantamento feito pela SBU em 2007, o câncer de pênis é uma patologia muito frequente no Brasil, acometendo preferencialmente pacientes de baixa renda, não circuncidados ao nascimento, de cor branca, moradores das regiões Norte e Nordeste e que demoram a procurar assistência médica especializada ao notar feridas no pênis. O estudo mostrou ainda que 81,62% dos casos de câncer de pênis acometem homens acima de 46 anos. O Norte e Nordeste juntos têm mais de 50% dos casos.

- Os homens devem ficar atentos a qualquer tipo de lesão no pênis. Devem lavar o órgão genital diariamente e principalmente após relações sexuais. Uma pequena ferida pode ser um tumor maligno que se não cuidado pode evoluir atacando os canais linfáticos o que pode ocasionar não só a amputação do órgão, como também dos membros inferiores - alerta Almeida. De acordo com os médicos, são realizadas por ano cerca de mil amputações de pênis pelo SUS. A amputação é o tratamento mais adequado para casos avançados da doença.

domingo, 19 de julho de 2009

Moeda da Europa unificada começou a circular em 2002

Adoção do euro criou um dos maiores espaços econômicos mundiais com uma única moeda: da noite para o dia, 320 milhões de pessoas passaram a ter o mesmo dinheiro na carteira. 25º e último episódio da série "Os Europeus".


Moedas de 1 euro

O ceticismo era grande. Na Alemanha, muitos temiam que o sólido marco alemão fosse substituído por uma moeda que trouxesse consigo altos índices de inflação. Outros estavam preocupados com a influência das economias de países onde se produzia menos do que na Alemanha. As taxas de inflação desses países teriam reflexos sobre a estabilidade da moeda comum?

O euro chegou para valer em 12 países no Ano Novo de 2001 para 2002, mas os preparativos para a introdução da nova moeda haviam começado bem antes. Bancos e comércio vinham sendo abastecidos com o novo dinheiro desde setembro. Nas lojas e supermercados, os preços eram exibidos em euro e na moeda nacional, para que as pessoas pudessem desenvolver uma noção do valor do novo dinheiro. Na Alemanha valia a regra: dois marcos perfazem um euro.


'Starter kit' do euro

Campanhas publicitárias apresentaram a nova moeda e, a partir de 17 de dezembro de 2001 era possível comprar os chamados starter kits nos bancos. Por 20 marcos recebia-se pouco mais de 10 euros em moedas, mas ainda não era possível pagar com elas. Isso seria possível apenas a partir da 00h00 de 1º de janeiro de 2002.

Dimensão histórica

A adoção do euro causou longos debates entre políticos dos países europeus. Na condição de pró-europeu convicto, o então chanceler federal alemão, Helmut Kohl, concordou de bom grado com a adoção da nova moeda nas negociações para o Tratado de Maastricht, em fevereiro de 1992.

A posição adotada por Kohl era de suma importância para alguns estados do leste alemão, que condicionavam seu consentimento com a unificação alemã à garantia de que estariam firmemente ancorados no conjunto de valores ocidentais. A moeda comum europeia parecia ser – aos olhos dos governantes envolvidos – o melhor meio para tornar essa decisão irreversível.

Durante os debates no Parlamento alemão sobre a adoção do euro pela Alemanha, Kohl ressaltou a dimensão histórica da decisão: "A concretização da união econômica e monetária europeia é, nas suas consequências, a mais importante decisão desde a reunificação alemã. Ela é a mais profunda mudança no nosso continente europeu, desde o colapso do império comunista".

Não é a primeira vez que há uma moeda comum no continente. Cerca de 1.150 anos antes, o rei franco Carlos Magno (747-814) também introduzira uma moeda comum em seu império: o denário de prata era utilizado por todos em todos os lugares. Com isso, era possível comparar preços, e uma pessoa podia descobrir que valor o serviço por ela oferecido tinha em outros lugares.

Assim como hoje, os habitantes do continente tiravam proveito do fato de poderem fazer negócios em outras localidades utilizando sua própria moeda, sem a necessidade e as despesas de fazer câmbio. Uma vantagem que desapareceu com a divisão do Império Carolíngio, no final do século 9º.

Moeda estável

De volta ao século 21: o ceticismo inicial sumiu e, sete anos após sua adoção, o euro tornou-se uma das moedas mais estáveis do mundo. Muitos países acumulam reservas na moeda europeia, que também foi se valorizando cada vez mais perante o dólar.

sso se deve principalmente à existência de um banco central único, uma posição que era defendida principalmente pela Alemanha. A política financeira comum é – também por motivos históricos – voltada para manter a inflação sob controle. Os devastadores tempos da inflação alta na Europa deixaram marcas profundas no inconsciente coletivo dos europeus e despertam temor e preocupação mesmo naqueles que não os conheceram.

O euro passou nos primeiros testes e desempenha um papel respeitado no cenário monetário internacional. Além disso, o espaço monetário unificado – do qual fazem parte hoje mais quatro países – é uma garantia para a paz no continente. Declarar guerra à própria moeda é algo que faz tanto sentido para um país quanto destruir fábricas das quais os próprios empresários participam.

No dia da adoção do euro, o então ministro alemão das Finanças, Hans Eichel, resumiu a importância da data: "Este é um dia histórico porque hoje se torna palpável, para qualquer um, o que é a unificação europeia, e que este é o grande projeto de paz e bem-estar social do século 21 para nós, os europeus."

Telefônica conclui plano de estabilização do Speedy

A Telefônica informou nesta sexta-feira que concluiu o plano de estabilidade do seu serviço de acesso rápido à Internet, pouco mais de três semanas depois da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) ter proibido a venda do Speedy devido a uma série de interrupções na rede nos últimos meses.

"A Telefônica antecipou em mais de uma semana a conclusão do plano de estabilidade da rede do Speedy apresentado à Anatel em 26 de junho", segundo a empresa.

As vendas do Speedy continuam suspensas, segundo a Telefônica. A empresa encaminhou na quinta-feira para o órgão regulador o plano executado e agora espera autorização da agência para reiniciar as vendas do serviço de Internet rápida.

A Telefônica duplicou a capacidade de resolução dos servidores DNS, computadores que conectam os internautas aos endereços dos sites. A empresa também ampliou o contingenciamento responsável pela conexão de sua rede com a Internet no resto do mundo.

Conforme a companhia, as medidas já adotadas garantem "estabilidade e contingência da rede" do Speedy.

A Telefônica tem 750 milhões de reais em investimentos programados para melhorias no Speedy em 2009. Desse montante, 70 milhões de reais referem-se às medidas destinadas a atender demandas específicas da Anatel, de acordo com a empresa.

A Telefônica possui cerca de 2 milhões de clientes do Speedy. O serviço de banda larga é responsável por pouco menos de 30 por cento de todo o faturamento da empresa no Brasil.

Em 2008, uma pane na rede de dados da empresa afetou milhões de pessoas no Estado de São Paulo ao cortar por várias horas serviços de Internet rápida de órgãos públicos.

Depois de resolvido o problema, a Telefônica concedeu cinco dias de desconto na fatura dos assinantes do Speedy.

Fonte: Cesar Bianconi

Quebra-cabeça de desfalques vira rotina no Corinthians

Nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, depois do título da Copa do Brasil, o técnico Mano Menezes tem tido dificuldade para escalar o time titular do Corinthians. Para o jogo deste domingo, contra o Cruzeiro, o treinador terá novamente que "quebrar a cabeça" devido a uma série de desfalques em Belo Horizonte, onde o time tentará sua primeira vitória fora de casa na competição.

O meio-campista Douglas e o atacante Dentinho estão fora por terem recebido o terceiro cartão amarelo na vitória sobre o Sport, na última quinta-feira. Na meia, Morais deve ficar com a vaga, ao passo que o ataque ainda é a principal dúvida na escalação corintiana. Se optar por uma formação mais defensiva, Jucilei pode novamente ganhar uma chance. Em caso contrário, o atacante Marcelinho é um dos cotados.

Outro setor que tem dado dor de cabeça ao treinador é a lateral direita. Alessandro, que desfalcou o time na última rodada por cumprir suspensão automática, poderá ser poupado neste domingo para evitar complicações com o desconforto na coxa que sentiu nas últimas rodadas. Na defesa, o zagueiro William é ausência por ainda se recuperar de problemas crônicos no pé direito e será substituído por Diego.

"São desfalques importantes", concordou o volante Cristian, que no entanto não demonstrou preocupação com o fato. "Todos estão jogando bem, e os que entrarem vão dar conta do recado. Eles (reservas) estão esperando uma oportunidade e têm total confiança do Mano e de todos nós. Vamos para Belo Horizonte buscar os três pontos", setenciou.

Mais quebra-cabeça - Garantido para o jogo contra o Cruzeiro, Cristian poderá ser desfalque na próxima rodada, porém. O jogador será julgado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (SJTD) na segunda-feira ainda pela final da Copa do Brasil, contra o Internacional, no Beira-Rio.

O volante foi denunciado por supostamente ter simulado contusão e ainda ter retornado ao campo de jogo depois de substituído. Desse modo, ele responderá pelos artigos 258 (praticar atitude anti-desportiva) e 274 (invadir local destinado à partida sem autorização), podendo ser suspenso de 120 a 720 dias. O meio-campista Douglas também foi denunciado por mandar Cristian se atirar no gramado.

Mesmo assim, Cristian segue tranquilo. "A gente tem advogado para isso. Não invadi campo nenhum, só entrei mesmo para separar, porque o jogador do Inter estava causando confusão, nada mais que isso. Estou tranquilo, não entrei para brigar e também não simulei nada, estava realmente com cãibra".

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Atualmente, as únicas demissões no setor privado que precisam de justificativa são aquelas em que o trabalhador comete faltas. Veja abaixo o que pode levar à demissão por justa causa, de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Saiba o que pode levar à demissão por justa causa
- "Ato de improbidade": roubar ou lesar a empresa, por exemplo
- "Incontinência de conduta ou mau procedimento": quebras as regras internas ou assediar outro funcionário, por exemplo
- "Negociação habitual por conta própria ou alheia sem permissão do empregador, e quando constituir ato de concorrência à empresa para a qual trabalha o empregado, ou for prejudicial ao serviço": desrespeitar cláusula de exclusividade, por exemplo
- "Condenação criminal do empregado, passada em julgado, caso não tenha havido suspensão da execução da pena": condenação criminal para a qual não haja possibilidade de recurso
- "Desídia no desempenho das respectivas funções": faltar, chegar atrasado, negligenciar tarefas, por exemplo
- "Embriaguez habitual ou em serviço": chegar bêbado ao trabalho, por exemplo. No caso dos alcoólatras diagnosticados por médico como tal, não vale, segundo o advogado trabalhista Sérgio Batalha, uma vez que se trata de doença e o indivíduo deve ser encaminhado para tratamento
- "Violação de segredo da empresa": divulgar para quem quer que seja informações confidenciais a respeito do trabalho
- "Ato de indisciplina ou de insubordinação": descumprir ordens do superior imediato, por exemplo
- "Abandono de emprego": a CLT não fixa a quantidade de dias seguidos que caracterizam o abandono. Porém, os tribunais consideram é caracterizado abandono deixar de comparecer ao trabalho por trinta dias seguidos
- "Ato lesivo da honra ou da boa fama praticado no serviço contra qualquer pessoa ou ocorrência de ofensas físicas, nas mesmas condições, salvo em caso de legítima defesa, própria ou de outrem": xingar a empresa ou colegas, por exemplo
- "Prática constante de jogos de azar": organizar jogos ilegais, como jogo do bicho, no ambiente de trabalho, por exemplo; há questionamentos sobre a prática fora do ambiente de trabalho e sobre se o trabalhador for viciado em jogos, o que pode ser caracterizado como doença
- "Atos atentatórios à segurança nacional": cometer ações contra a segurança nacional mesmo que não tenha nenhuma ligação com o trabalho
O que perde quem é demitido por justa causa?
- Aviso prévio
- Multa de 40% sobre o FGTS
- Saque do FGTS
- Férias e 13º proporcional
- Possibilidade de pedir o seguro-desemprego
Quais os direitos de quem é demitido por justa causa?
- Receber os dias trabalhados e as férias vencidas, se eventualmente houver
- Questionar judicialmente a demissão se considerar que foi injusta; é aconselhável procurar o sindicato da categoria profissional para obter informações
Fonte: artigo 482 da CLT; Sérgio Batalha, advogado trabalhista e conselheiro da OAB-RJ; e juiz trabalhista Cláudio Antônio Freitas Delli Zotti

Para o advogado Sérgio Batalha, a demissão por justa causa é considerada pela Justiça a "penalidade mais grave" ao trabalhador e só deve ser aplicada em casos excepcionais.

"E não basta a empresa simplesmente alegar a justa causa. A razão está sempre com o trabalhador. Se o empregador não conseguir fazer uma prova convincente, a demissão pode ser revertida. O entendimento dos tribunais é no sentido de que a prova deve ser robusta ", avalia Batalha.

Batalha afirma ainda que as faltas mais leves previstas na CLT para justa causa não são aceitas pela Justiça se a empresa não adotar medidas intermediárias.

"Faltar no trabalho por exemplo ou trabalhar de forma descuidada. Isso não é o tipo de falta que se pode demitir de primeira. Tem de haver penalidades. Advertência, suspensão de um dia, depois de três dias. Se reincidir, aí sim aplica justa causa."

O juiz trabalhista Cláudio Antônio Freitas Delli Zotti, de Belo Horizonte, informou que "quase 95% das demissões por justa causa são questionadas judicialmente".

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Áires

Novidades emocionais e em família agitam os arianos e servem para compreender a mudança como um movimento natural da vida. É momento interessante para deixar para trás velhas emoções no báu das memórias. Segurança não pode ser sinônimo de acomodação, nativo de Áries.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Gêmeos

Dia com interessantes possibilidades financeiras e profissionais, que dependem de expressar-se com inventividade, soltando velhos padrões e abrindo-se a coisas novas. Renovam-se os propósitos, emoções e açõe e com isso o Universo retribui em oportunidades, nativo de Gêmeos.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Câncer

O Sol aspecta Urano, um símbolo astrológico de inovação, inconvencionalidade, surpresas e mudanças que levam os cancerianos a redescobrirem o seu mundo, a mentalidade e os sentimentos. Com isso conquistam novos horizontes. Até onde você crê que é capaz de irr?

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Leão

O regente leonino, o Sol, está em contato com o planeta Urano, indicando momento interessante para despedir-se do passado, abrindo-se a novos sentimentos e relação com a família. Sensação de pertencer a algo maior do que as dependências infantis do passado matizadas pela carência.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Touro

Nova percepção sobre o ambiente, as amizades, o afeto e a família são a riqueza do atual momento e servem para renovar sua vida, olhando menos para o passado e mais para o futuro. Pensamentos e emoções criam campo para expressão na matéria. Materialize então o melhor de você.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Virgem

Você faria bem em abrir-se a novas formas de relacionamento, deixando para trás modelos emocionais desgastados baseados em medo e dependência. As pessoas que agora se aproximam de você estimulam isso. O futuro depende deste passo corajoso em direção aos outros.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Libra

Oportunidade de renovar o trabalho e as questões familiares e emocionais. Surpresas e situações inusitadas que convidam a uma forma totalmente diferente de encarar esses assuntos. As portas da percepção se abrem se você se permitir viver além de condicionamentos anteriores.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Escorpião

Interesses profissionais são estimulados e dependem de conhecimentos, contatos e inteligência emocional. Deve manifestar suas habilidades, conhecimentos e dispor-se ao aprendizado, sobretudo das emoções, pois disso depende também o bom andamento profissional.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Capricórnio

Para onde sua atenção se direciona? É para lá que vai a sua energia, emoções, pensamentos e se cria a realidade. O ser humano ainda tem muito a aprender sobre o poder de criar a realidade. Relacionamentos se estruturam sob novas formas e emoções, capricorniano.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Aquário

Urano, o regente aquariano, faz contato com o Sol indicando surpresas e mudanças que dão um novo dinamismo à sua vida, com efeito sobre as emoções, as finanças, a família ou o trabalho. É o desejo aquariano de experimentar outros caminhos, retrato de sua alma libertária.

Sábado, 18 de Julho de 2009 - Peixes

Este momento é muito importante para consolidar as mudanças emocionais de que você necessita para evoluir. Não se baseie em antigas experiências, pois agora é o futuro que se apresenta, por meio de situações inusitadas, que chocam a realidade existente. Tudo visa a evolução.

Com ajuda corintiana, D'alessandro consegue efeito suspensivo

D'Alessandro vai jogar o clássico contra o Grêmio neste domingo. Suspenso pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por 60 dias após causar uma confusão na final da Copa do Brasil, contra o Corinthians, o meia está liberado para atuar por conta de um efeito suspensivo obtido nesta terça-feira pelos advogados do Internacional. E justamente com uma "ajuda" corintiana.

O departamento jurídico colorado já havia obtido uma negativa do STJD ao pedir o efeito quando o zagueiro Willian, a quem D'Alessandro tentou agredir após ser expulso na decisão, falou que o argentino não o ameaçou "em momento algum", em entrevista à Rede Bandeirantes. A defesa conseguiu, assim, o precedente que precisava.

"O fato novo que ensejou essa nova tentativa (de buscar o efeito), de fato, tem a ver com a entrevista do Willian. Ele se pautou com muita lealdade e isso foi decisivo para conseguirmos esta decisão favorável", disse à Rádio Gaúcha o advogado do Inter, Daniel Cravo.

Desta forma, D'Alessandro será julgado novamente na próxima quinta-feira, quando o Inter tentará diminuir a punição recebida. Enquanto isso, poderá reforçar os comandados do técnico Tite no clássico Gre-Nal no Olímpico, e contra o São Paulo, na quarta-feira.

O argentino já havia sido relacionado para a partida pelo treinador. Com a boa notícia, Tite deve mandar Andrezinho, destaque da vitória por 4 a 2 sobre o Fluminense, para o banco de reservas. Além disso, como só três estrangeiros podem participar do confronto, Bolaños deve ser preterido, em favor de Guiñazu, Sorondo e do próprio D'Alessandro.

Mais 7 mortes por gripe suína são confirmadas no Brasil; total chega a 11

Mais sete mortes em consequência de gripe suína --como é chamada a gripe A (H1N1)-- foram confirmadas nesta quinta-feira em três Estados. Com isso, sobe para 11 o número de mortes no país, desde 28 de junho.


Com medo da gripe suína, casal usa máscaras em São Paulo; país teve 11 mortes.

Exames atestaram a doença em pacientes de Passo Fundo (2), Santa Maria (2) e Uruguaiana (1), no Rio Grande do Sul; no Rio (1); e em Osasco (1), na Grande São Paulo.

O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, admitiu nesta quinta que o vírus da gripe suína circula em território nacional, ao confirmar o primeiro caso de morte causada pela doença sem vínculo com pessoas vindas de outros países com a doença. Até então, o governo admitia apenas casos "importados".

Apesar das mortes, o ministro afirmou que o momento é de tranquilidade no Brasil e que índice de letalidade do vírus é baixo, em torno de 0,5% (média mundial), percentual semelhante ao da gripe comum. "É natural que quando surge uma doença nova surjam dúvidas. Mas o momento é de tranquilidade. Nós temos tudo o que é necessário para dar conta da doença, para atender toda a população", afirmou Temporão.

Mortes

Desde o final de junho, há registros de mortes em três Estados: Rio Grande do Sul (7), em São Paulo (3), no Rio (1).

Uma das mortes confirmadas hoje é a do caminhoneiro Dirlei Pereira, 35. Segundo o secretário da Saúde de Uruguaiana (RS), Luiz Augusto Schneider, ele esteve na Argentina e ingressou na cidade de Porto Xavier (RS) no dia 29 de junho. Como já apresentava sintomas de gripe, foi retido pelo órgão de vigilância sanitária.

O caminhoneiro foi internado dia 1º na cidade de Santa Rosa, mas recebeu alta no dia 4. Com isso, seguiu para sua cidade natal, Itaqui, onde novamente procurou o serviço de saúde e foi encaminhado para a Santa Casa de Uruguaiana, referência para o tratamento da doença.

Em Passo Fundo foram confirmadas mais duas mortes. Trata-se de um comerciante de 42 anos, internado no dia 6 de julho e que morreu dois dias depois; e um homem de 31 anos, que foi internado no último dia 9 e morreu no dia seguinte. Os resultados dos exames foram divulgados nesta quinta.

De acordo com informações do Segundo o Hospital da Cidade, que comunicou as mortes à Secretaria Municipal da Saúde, não há informações sobre onde as vítimas foram contaminadas.

Em Santa Maria, as vítimas são dois homens --um de 26 anos, que morreu na madrugada da última segunda-feira, e outro de 31 anos, que morreu na semana passada--, segundo o secretário da Saúde do município, José Farret.


No aeroporto em Guarulhos, passageiros usam máscara por medo da gripe; Brasil registra 1ª morte por gripe suína contraída no país

No Rio, a Secretaria Estadual da Saúde confirmou a primeira morte por gripe suína no Estado. A vítima é uma mulher de 37 anos, que morreu no último dia 13. Ela estava internada havia uma semana em um hospital particular, após apresentar os sintomas da doença. Segundo a secretaria, o quadro clínico evoluiu para uma pneumonia grave.

A Prefeitura de Osasco confirmou hoje a segunda morte no município. A primeira, divulgada na última sexta-feira (10), é da menina de 11 anos --também a primeira do Estado. Os pais, a avó e três primos da garota também foram infectados.

Outras mortes

As outras quatro mortes no país ocorreram no Rio Grande do Sul e em São Paulo.

A primeira registrada no Brasil foi a do caminhoneiro Vanderlei Vial, no Rio Grande do Sul. A outra vítima no Estado é um menino de nove anos, morador de Sapucaia do Sul, que morreu no último dia 5. O caso foi informado pela Secretaria da Saúde do Estado na última segunda-feira (13).

Em São Paulo, além da menina de 11 anos, moradora de Osasco (região metropolitana), a outra morte confirmada no Estado é de um homem de 28 anos, que morreu no último dia 10 no Hospital de Clínicas de Botucatu (238 km de São Paulo). Ele começou a apresentar os sintomas --febre, dor de cabeça, náusea, vômito, tosse e congestão nasal-- no dia 1 de julho.

Balanço

O Ministério da Saúde confirmou na quarta-feira (15) mais 148 novos casos de gripe suína no Brasil, elevando para 1.175 o número de pessoas infectadas pelo vírus no país desde 8 de maio. Até a semana passada, quando foi divulgado o último balanço da gripe, o país tinha 1.027 pessoas contaminadas.

O Estado de São Paulo concentra a maioria dos casos (512), seguido do Rio Grande do Sul (135) e Rio de Janeiro (128).

O governo informou ainda que acompanha 3.926 casos suspeitos no país. As amostras com secreções respiratórias dos pacientes estão em análise laboratorial. Outros 1.837 casos foram descartados.

Sintomas

A gripe suína é uma doença respiratória causada pelo vírus influenza A, chamado de H1N1. Ele é transmitido de pessoa para pessoa e tem sintomas semelhantes aos da gripe comum, com febre superior a 38ºC, tosse, dor de cabeça intensa, dores musculares e articulações, irritação dos olhos e fluxo nasal.

Para diagnosticar a infecção, uma amostra respiratória precisa ser coletada nos quatro ou cinco primeiros dias da doença, quando a pessoa infectada espalha vírus, e examinadas em laboratório.

Os antigripais Tamiflu e Relenza, já utilizados contra a gripe aviária, são eficazes contra o vírus H1N1, segundo testes laboratoriais, e parecem ter dado resultado prático, de acordo com o CDC (Centros de Controle de Doenças dos Estados Unidos).

Menino de 12 anos está internado com gripe suína em estado grave em Niterói (RJ)

A Secretaria Municipal de Saúde de Niterói (RJ) confirmou na tarde desta sexta-feira que um aluno de 12 anos que estuda no turno da manhã no colégio La Salle Instituto Abel, em Niterói (RJ), está com gripe suína. O estudante respira com ajuda de aparelhos e está internado na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) do hospital particular Santa Cruz, no centro do município, segundo informações de médicos.

"Ele entrou aqui com insuficiência respiratória, em estado muito grave. O quadro de pneumonia está melhorando aos poucos. Agora, o estado dele é estável", afirmou a médica responsável pela UTI do hospital, Jussara Reis.

Ainda de acordo com a médica, não há previsão para que o menino volte a respirar sem ajuda de aparelhos. A Secretaria da Saúde informou que o caso do aluno é considerado grave pelo Ministério da Saúde.

Na segunda-feira (13), a escola antecipou as férias escolares devido à suspeita do jovem estar com a nova gripe.

O Instituto Abel adotou medidas preventivas para conter a nova gripe. A recomendação é de que os alunos que estejam retornando de viagens ao exterior, principalmente nas áreas mais atingidas pela nova gripe, fiquem em casa por pelo menos dez dias antes de retornar às aulas.

"Alertamos que na ocorrência de caso comprovado da doença a escola deverá suspender as atividades, para todos os alunos, por um período de dez dias, como vem acontecendo com diversas escolas do Brasil", informa a direção da escola em nota.

O Brasil tem 11 mortes por gripe suína, de acordo com o Ministério da Saúde. Até o último boletim, divulgado na quarta-feira (15), o país tinha 1.175 casos da doença.

Homem que matou ex-namorada em shopping de Nova Iguaçu (RJ) morre no hospital

Um homem de 27 anos morreu nesta sexta-feira após matar a ex-namorada em um shopping de Nova Iguaçu (Baixada Fluminense) e atirar contra a própria cabeça. Ismênio Fernandes Lemos Júnior foi levado para o hospital da Posse, mas não resistiu aos ferimentos.

Lemos Júnior disparou dois tiros contra Shirlene Joaquim da Trindade, 27, quando ela trabalhava em uma loja revendedora de telefones celulares no interior do Top Shopping. Um dos tiros atingiu a cabeça da vítima, que morreu no local.

A administração do shopping informou que Lemos Júnior sacou a arma no interior da loja e pediu que um funcionário e dois clientes se retirassem. "Ele mandou fecharem as portas para ficar sozinho com a funcionária do estabelecimento. Ele deu um tiro, que pegou na parede da loja, e depois disparou novamente atingindo a cabeça da jovem", disse a superintendente do shopping, Daisy Gama, em nota.

O comandante do 20º Batalhão da PM (Mesquita), tenente-coronel Ivanir Linhares Fernandes Filho, afirmou que a vítima já vinha recebendo ameaças do ex-namorado. "Os familiares da jovem tinham conhecimento de que ela vinha sofrendo ameaças por parte do rapaz, com quem ela já havia mantido um relacionamento amoroso", disse.

A Polícia Civil já realizou a perícia no local e analisou as imagens das câmeras do shopping. A loja permanece fechada nesta sexta.

De acordo com informações da PM, o casal terminou o namoro há quatro meses e o homem tentava reatar o relacionamento. O caso foi registrado na 52ª DP (Nova Iguaçu).

Luxemburgo confirma o seu retorno ao Santos, e apresentação será na segunda

Treinador revela, via Twitter, que contrato com o clube está assinado, mas compromissos pessoais o impedem de começar já neste fim de semana.


Vanderlei Luxemburgo confirma o retorno à Vila. Será a sua quarta passagem pelo Santos.

Vanderlei Luxemburgo está de volta ao Santos depois de uma temporada e meia longe do clube. O acordo já estava apalavrado, e o técnico confirmou na noite desta sexta-feira a assinatura do contrato com o Peixe. Será a sua quarta passagem pela Vila Belmiro

Luxa fez o anúncio via Twitter, a nova ferramenta de comunicação e mensagens instantâneas na internet. Em seu blog, o treinador f.oi igualmente breve e não deu mais detalhes do acordo. Ele se apresenta ao Santos na próxima segunda-feira, quando concederá uma entrevista coletiva.

"Irei me apresentar apenas na segunda-feira porque já havia programado compromissos pessoais inadiáveis. Estou muito contente de retornar a este grande clube, com o qual possuo grande identificação. Na minha apresentação oficial entrarei em mais detalhes sobre a minha volta ao Santos".

Dispensado há três semanas do Palmeiras, Luxemburgo era visto nos bastidores da Vila Belmiro como a segunda opção para assumir a vaga de Mancini, demitido após a derrota por 6 a 2 para o Vitória. Para alguns membros da cúpula alvinegra, o nome de Muricy Ramalho era o preferido.

No entanto, o pedido alto do ex-treinador do São Paulo e a demora por uma resposta positiva irritaram os alvinegros. Além disso, Marcelo Teixeira não conseguiu ter um contato direto com o ex-tricolor e só conversava com seu empresário, Márcio Rivellino. Com isso, o caminho ficou livre para Luxemburgo.

Conhecido pelo alto custo que dá aos clubes, nesta passagem o treinador virá com somente duas pessoas da sua comissão técnica. O auxiliar Nei Pandolfo e o preparador físico Antonio Mello também voltam ao clube, depois de um ano e meio no Palmeiras.

Apesar do acerto, Serginho Chulapa segue como o comandante do Santos na partida deste domingo, contra o São Paulo. Ele tenta entregar o time, 11º colocado do Brasileiro com 14 pontos, em uma condição melhor para o novo técnico alvinegro.

Dono de um bom relacionamento com Teixeira, Luxemburgo chega para a sua quarta passagem pelo Santos. Na primeira vez, em 1997, ele conquistou o extinto Torneio Rio-São Paulo. Depois, em 2004, foi campeão do Brasileiro, com Robinho em campo. Na sua última vez na Vila Belmiro, ele venceu as edições de 2006 e 2007 do Campeonato Paulista. Em todas as suas passagens pelo Peixe, Luxa jamais foi demitido.

Rapidinhas

Corintianismo político: O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, é torcedor são-paulino assumido. Nada que o impeça de colocar um broche com o símbolo do Corinthians, como fez nesta sexta-feira, em visita ao presidente do clube alvinegro, no Parque São Jorge.

Quem manda é a maioria: A explicação do presidente Andrés Sanchez pelo aparente corintianismo de Kassab foi simples: a torcida do Corinthians é a maior da cidade. É eleitor de sobra. "É isso mesmo. Sou prefeito de todos corintianos, e com muita alegria", disse o político.

Amistoso na Espanha: Segundo o diário El Mundo Deportivo, o Corinthians poderia ser convidado pelo Barcelona para disputar o Troféu Joan Gamper, em 19 de agosto, quando o time paulista enfrentaria o Internacional, pelo Campeonato Brasileiro. No Parque São Jorge, a data é considerada muito próxima.

Caminhão é pouco: Quatro belas modelos corintianas fizeram um desfile nesta sexta durante o lançamento de uma carreta que servirá como loja móvel de artigos oficiais do clube. Quem esteve presente no Parque São Jorge garante ter visto, na verdade, um avião.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Willians recebe sondagem para deixar Flamengo

Volante despertou o interesse de três clubes da Europa.


Willians tem jogado bem com frequência (Crédito: Ricardo Cassiano)

Como se não bastasse as constantes sondagens sobre jogadores como Bruno, Leonardo Moura e Juan, mais uma peça importante do Flamengo em 2009 pode sair na janela de transferências. Trata-se do volante Willians. Ainda não foi feita proposta concreta, mas dois representantes de clubes europeus estiveram recentemente no Maracanã para acompanhar de perto o desempenho do camisa 8.

O empresário do jogador confirmou as sondagens, mas não quis revelar o nome dos clubes. Sabe-se que são dois italianos e um russo.

– O interesse tem, mas não há nada oficial, nenhuma proposta. Houve apenas sondagens de três clubes europeus – disse Sérgio Dias.

Willians tem contrato com o Flamengo até 2011. A multa dele está fixada em aproximadamente R$ 25 milhões. O Flamengo tem direito a receber metade do valor, mas há quem diga que a negociação pode acontecer por menos.

A cúpula do futebol garantiu que não recebeu contato e nem pensa em negociar Willians.

– Não existe negociação – afirmou o diretor Plínio Serpa Pinto.

Corinthians vinga-se do Sport em pleno Pacaembu

Com dois gols de Ronaldo, um golaço de Cristian e outro no final do jogo garante a vitória apertada do Corinthians.


Ronaldo comemorando o segundo que fez na partida.

Noite da vingança no Pacaembu. Há um ano, aproximadamente, Corinthians e Sport disputaram a Copa BR, em Recife, com vantagem da equipe do então técnico Nelsinho. No Pacaembu, agora, o tira-teima. Treinador Mano Menezes garante que uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Jogo prometia pegar e feio.

Partida começou com o Timão em cima do adversário. Sport todo trancado, com três zagueiros, seis no meio campo e 1 no ataque. Hamilton bateu muito, principalmente em Douglas e Jorge Henrique. Sandro Goiano bateu boca com Jorge Henrique e o árbitro, o gaúcho Simon, contemporizou.

Fechado

Diante do "ferrolho do Leão", Cristian arriscou de longe, aos 8, sem sucesso. Em contra-ataque rápido, Douglas achou Ronaldo no meio da zaga. Ronaldo fintou e bateu forte, aos 12.

GOOOOOOOOOOOOOOOOL, FABIANO

Empolgado, Timão vibrava ainda com bela jogada de Ronaldo, no contra-golpe, Fabiano aproveitou cruzamento da direita de Élder Granja e meteu a cabeça na bola. Felipe estava mal colocado, além de Jucilei não ter saído do chão: 1 a 0.

Pênalti

André Santos foi derubado em cima da linha da grande área. Pênalti que o juiz não deu a favor do Timão. Na cobrança de falta, Magrão espalmou cobrança de Chicão. Na sequência, Ronaldo manda a bomba à queima roupa e Magrão salva outra vez.

Dentinho se livrou da marcação e chutou de longe, Magrão caiu no canto diteito e encaixou a bola. Problema: equipe alvinegra insistindo demais no jogo pelo meio e "torto"pela direita do campo.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOL, RONALDO

Douglas trocou bolas com Dentinho. André Santos veio de trás, venceu marcador na corrida e cruzou certeiro na cabeça dele, Ronaldo: 1 a 1. Outra tabela, agora entre Douglas e André Santos, que terminou com cruzamento forte, que ninguém aproveitou.

Violência

Sandro Goiano entrou deslealmente em Dentinho. Merecia um vermelho, mas levou um cartão amarelo. Falta quase na intermediária, Cristian deitou a "bomba". Magrão espalmou para frnete e nada de alguém se aproveitar do rebote. Sport sentiu o gol.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL, RONALDO

Outra jogada pela direita, Diego foi à linha de fundo e cruzou. Ronaldo subiu livre de cabeça e testou no cantinho de Magrão, que puilou e não encontrou nada: 2 a 1. Fenômeno levou até cartão amarelo ao dividir bola com Luciano Henrique.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL, CRISTIAN

Mal começou a etapa final, Cristian soltou um "petardo" da entrada da grande área. Bola desviou caprichosamente no zagueiro do Sport, tirou o goleiro Magrão do lance e estufou as redes do gol do Tobogã do Pacaembu: 3 a 1.

Hamilton e Guto pegam Jorge Henrique e Dentinho, na base do desespero, e levam cartões amarelos. Douglas deu o troco em Élder Granja e também ä amarelou". Dutra pegou chute forte dentro da grande área, que acertou a trave após boa defesa de Felipe. Técnico tirou Luciano Henrique e colocou Vandinho.

Diogo fora

Diego torceu o joelho esquerdo e teve de deixar o gramado. No lugar dele, veio Moradei. Jucilei caiu para lateral-direita. Dentinho deixou o gramado para a entrada de Morais. Atacante sentiu uma fisgada na virilha.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL, VANDINHO

Dutra disparou pela direita e bateu forte para a área corintiana. Defesa marcou a bola e não Vandinho. Atacante entrou batendo e marcou o segundo: 2 a 3. No entanto, sentiu a coxa direita.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL, VANDINHO

Hamilton arriscou de fora da área. Felipe soltou a bola nos pés de Vandinho. Atacante bateu e no segundo rebote deixou tudo igual no placar: 3 a 3. Guto, dois lances depois, cabeciou por cima. Quase marcou o gol da virada.

GOOOOOOOOOOOOOOOOOOOL, MORADEI

Morais fez boa jogada pela direita e chutou. No rebote, Moradei pegou de primeira. Bola pegou uma curva impressionante e enganou Magrão: 4 a 3. Antes Jucilei saiu para a entrada de Moradei e Guto acabou expulso a dar cotovelada em Moradei.

Felipe salva

Goleiro Felipe pegou bola incrível batida por Dutra em cobrança de falta. Vandinho levou cartão. Elder Granja saiu para entrada de Dudé. Partida ficou dramática. Juiz deu mais cinco minutos de prorrogação. No sufoco, Timão conseguiu uma vitória apertada.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

PM confunde rádio com arma e mata homem em Belém (PA), dizem testemunhas

Um homem foi morto em Belém (PA) depois que policiais militares confundiram um rádio que ele portava com uma arma, segundo testemunhas. A Secretaria da Segurança Pública diz que o caso será investigado por meio de um inquérito.

No início da tarde desta terça-feira (14), Emerson Freitas andava por uma rua de um bairro chamado Pedreira quando foi abordado pelos policiais. Segundo a versão dos PMs, ele se portava de maneira "suspeita".

Ao vê-los, ele levantou os braços e a camisa. Foi quando o aparelho apareceu, segundo testemunhas, e os policiais resolveram atirar.

O primeiro disparo atingiu o peito do homem; o segundo, as costas. Ele chegou a ser levado para um pronto-socorro da cidade, em estado grave, mas não resistiu. Um terceiro tiro acabou atingindo um carro que estava estacionado.

Em depoimento, um dos policiais afirmou que o primeiro tiro só foi dado pois o homem apontou uma arma. Já um major da PM disse a um jornal local que os disparos foram feitos pois Freitas levou as mãos à cintura.

Além dos revólveres dos dois que atiraram, também foi entregue à PM um outro revólver, que, segundo disseram os próprios policiais que levaram as armas, era do morto. Com ele também foi encontrado um rádio à pilha.

De acordo com sua família, Freitas era deficiente mental. Segundo a secretaria, ele tinha esquizofrenia --um transtorno de personalidade.

Familiares de jovens mortos em acidente protestam contra ex-deputado no PR

Os pais de um dos jovens mortos no acidente envolvendo o ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho realizaram nesta quarta-feira um protesto em Curitiba (PR) para que ele não volte a se filiar a um partido político. Carli Filho, 26, que renunciou ao mandato --o que permite que volte a se candidatar-, foi expulso do PSB na semana passada.

Segundo a família de Gilmar Rafael Yared, 26, uma das vítimas do acidente, o ex-deputado articula volta à cena política em sua cidade natal, Guarapuava (257 km de Curitiba), administrada pelo pai dele, o prefeito Luiz Fernando Carli (PP).

O casal de comerciantes Christiane e Gilmar Yared afirma que é "notória" a "campanha aberta" para sensibilizar a opinião pública da cidade com aparições do ex-deputado em igrejas e mensagens de agradecimento em outdoors.

A família Yared enviou hoje cartas aos 27 presidentes de diretórios regionais de partidos políticos registrados na Justiça Eleitoral do Paraná para que recusem eventual pedido de filiação de Carli Filho até o julgamento do caso.

"O partido que aceitar o ex-deputado será conhecido como a legenda política da família Carli", afirmou Christiane.

Carli Filho protagonizou o acidente de trânsito em maio deste ano. Na colisão, morreram Gilmar Rafael Yared e Carlos Murilo de Almeida, 20. Eles estavam em um carro atingido pelo automóvel do ex-deputado, que dirigia em alta velocidade. Exame de dosagem alcoólica apontou que Carli estava bêbado no momento do acidente. Ele também estava proibido de dirigir por ter acumulado na carteira de habilitação 130 pontos em infrações de trânsito.

A reportagem não conseguiu contato com o ex-deputado. O advogado dele, Roberto Brzezinski Neto, disse que não ia se manifestar por não ter informações sobre o protesto da família Yared.

Senado aprova lei que aumenta pena para prostituição de menores

O Senado aprovou nesta quarta-feira projeto de lei que torna mais rígida a punição nos casos de exploração sexual e prostituição de menores, além de aumentar determinadas penas. A proposta será enviada agora à Câmara dos Deputados.

Apresentado pela CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Pedofilia, o texto propõe alterações no Estatuto da Criança e do Adolescente, na lei de crimes hediondos e na lei de prisão temporária.

O relator da matéria, senador José Nery (PSOL-PA), informa em seu parecer que o projeto amplia os casos passíveis de punição ao incluir neles quem aliciar, agenciar, atrair ou induzir crianças ou adolescentes à exploração sexual ou à prostituição.

Ele destaca ainda que a proposta aumenta as penas daqueles que praticarem tais crimes "mediante violência ou grave ameaça" e "de quem tira proveito da exploração ou participa de seus lucros".

Nesse último caso, o texto prevê, como efeito automático da condenação, a cassação da licença de localização e de funcionamento do estabelecimento, além da perda de valores e bens móveis e imóveis utilizados na exploração do menor.

José Nery também informou que o projeto determina pena de reclusão de três a oito anos para quem "se aproveita da vítima [o menor] em situação de exploração sexual, de prostituição ou de abandono".

Ao defender a matéria, o senador argumentou que essas medidas visam "corrigir imperfeições" do Estatuto da Criança e do Adolescente que, segundo ele, impedem que muitos criminosos sejam punidos.

Quanto às emendas que apresentou ao texto, ele disse que foram necessárias para "proceder a alguns ajustes no projeto original, a fim de cumprir acordo com o Ministério da Justiça".

Leonardo: Passa em curso de técnicos

Leonardo cumpriu seu último passo antes de finalmente poder assumir o cargo de técnica do Milan. O ex-meia foi aprovado nesta quarta-feira no curso de preparação para treinadores profissionais na Itália e disse respirar aliviado, mesmo sabendo que poderia exercer a função por ter participado de duas Copas do Mundo como jogador (1994 e 1998).

"Exames são exames. Sem frio na barriga você não os faz. Estou contente", comentou o brasileiro ao Sky Sport 24. Apesar de alegar ansiedade, o substituto de Carlo Ancelotti estava garantido no novo cargo. De acordo com a Federazione Italiana Gioco Cálcio (FIGC), alguém só pode ser técnico da Série A se passar pelo curso, mas atletas que participaram de Mundiais são liberados mesmo em caso de reprovação.

De qualquer maneira, o ex-são-paulino não viu problemas em ter de encarar provas de conhecimentos de futebol para comandar o time profissional do clube em que já trabalhava como dirigente. "É um percurso difícil, longo, mas é justo fazê-lo. Me sinto muito melhor nesta função de técnico depois dos exames", argumentou.

Enquanto estudava, Leonardo acompanhava a pré-temporada como técnico do Milan e até já esteve à frente da equipe em vitória por 2 a 0 sobre o Varese, time da quarta divisão italiana, em amistoso que marcou a estreia do novo treinador. Neste jogo, um dos destaques foi Ronaldinho Gaúcho, entre as principais apostas do ex-meia para recolocar o Rubro-negro de Milão na trajetória de títulos.

Romário aceita pagar dívida de R$ 90 mil e deixa a prisão

Romário finalmente deixou a 16ª Delegacia de Polícia na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio de Janeiro. O ex-jogador seguiu calado para o Fórum da Barra, onde participou de audiência com um juiz da Vara Familiar. Em reunião de 45 minutos, provou ter pago a dívida de R$ 90 mil referente à pensão alimentícia de seus dois filhos com Mônica Santoro e recebeu alvará de soltura.

Envolto por microfones, câmeras fotográficas e de cinegrafistas, o ex-camisa 11 não abriu a boca enquanto deixou a delegacia, na qual passou a noite dormindo no chão em uma sala pequena, sem ficar junto aos outros presos. O problema se resolveu, segundo o delegado Carlos Nogueira Pinto, quando o craque aceitou pagar os R$ 90 mil pedidos por sua ex-esposa.

O melhor jogador do mundo em 1994 foi preso na noite dessa terça-feira suspeito por atrasar a pensão de Mônica, de 19 anos, e Romário, de 15 anos. A decisão tem relação com ação movida por Mônica Santoro cobrando as pensões de abril e maio. Nesta quarta-feira no Fórum, o ex-atacante encontrou Mônica e sua filha Moniquinha.

Em 2008, o ex-vascaíno selou acordo para pagar R$ 9 mil mensais a cada um de seus filhos, mas teria atrasado a pensão em dez dias. Como compensação, o advogado da ex-esposa, Morval Valério, quer juros de 5% para cada dia não pago, além de fazer valer a multa de 0,05% estipulada no acordo.

De acordo com Morval, parte da dívida já havia sido depositada pelo ex-atleta, enquanto o restante foi adquirido na manhã desta quarta-feira. No próximo dia 23, em audiência especial, o Baixinho terá de pagar os juros referentes ao atraso no pagamento das pensões. O craque preferiu não dar entrevistas durante todo o dia.

Avaí vence o Goiás fora de casa

O Avaí aproveitou os contra-ataques e conquistou uma importante vitória na noite desta terça-feira. Atuando no Serra Dourada, a equipe de Silas surpreendeu pela qualidade de jogo apresentada e derrotou o Goiás por 2 a 0, deixando a lanterna do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Avaí chegou aos 10 pontos e se igualou na pontuação aos primeiros times fora da zona da degola. Contudo, nos critérios de desempate, os catarinenses acabam ocupando provisoriamente a 18ª colocação. Mesmo com a derrota, o Goiás segue na região de classificação à Copa Sul-americana e sustenta a 10ª posição, com 14 tentos.

Depois da partida desta noite, o Goiás retorna a campo no próximo sábado, às 18h30, quando encara o conturbado Fluminense no Rio de Janeiro. Em contrapartida, o Avaí duela no domingo, às 18h30, contra o Sport, em plena Ilha do Retiro.

O jogo - As duas equipes entraram em campo com o objetivo de conquistar a reabilitação no Brasileirão. Tanto Goiás como Avaí foram derrotados na última rodada e dependiam de uma vitória nesta noite para melhorar suas situações na classificação. Atuando em casa, o Esmeraldino controlou a posse de bola e buscou pressionar o adversário.

A primeira chance de gol dos goianos surgiu logo aos 15 minutos da primeira etapa. Douglas recebeu na ala direita, limpou para o meio e chutou rasteiro para o gol. O arremate passou perto do gol de Eduardo Martini e assustou os torcedores catarinenses.

Contudo, depois do susto inicial, o Avaí cresceu no jogo e respondeu ao perigo com 25 minutos. Muriqui recebeu lançamento e invadiu a área, o atacante chutou de bico e exigiu grande defesa de Harley. O lance empolgou os catarinenses, que chegaram com perigo novamente menos de um minuto depois.

Eltinho aproveitou o erro na saída de bola esmeraldina e lançou Muriqui. O atacante bateu colocado no canto esquerdo e exigiu mais uma grande intervenção de Harley na partida. Pressionando a defesa adversária, o Avaí obteve o controle durante maior parte da primeira etapa.

No entanto, a última grande oportunidade de abertura do placar acabou sendo dos donos da casa. Aos 35 minutos, Felipe Menezes deixou Bruno Meneghel frente à frente com o goleiro. O atacante goiano se atrapalhou na hora do domínio e permitiu a recuperação do goleiro Eduardo Martini, que se antecipou e afastou o perigo com os pés.

Na segunda etapa, o Avaí retornou melhor a campo e abriu o placar logo aos três minutos. Muriqui recebeu bom passe dentro da área e arrematou de primeira. A bola passou ao lado de Harley e balançou as redes goianas.

O autor do gol teve a chance de aumentar o marcador logo aos nove minutos. O atacante avançou pela direita, invadiu pela área e chutou por cima, próximo ao travessão de Harley.

O Goiás pouco criou e teve apenas uma chance clara de empatar o duelo. Aos 23 minutos, Rafinha arriscou da entrada da área e a bola explodiu no travessão de Eduardo Martini. A partir de então, o Avaí recuou sua equipe e apenas administrou o resultado.

Contudo, no contra-ataque, o Avaí aproveitou mais uma oportunidade frente a Harley e definiu o resultado. Com 44 minutos, Roberto partiu do meio-de-campo e saiu na cara do goleiro goiano. O atacante chutou e a bola desviou no arqueiro esmeraldino, mas a sobra ficou com o jogador catarinense, que teve apenas o trabalho de tocar para dentro das redes.

Com um jogador a mais Santos empata na Vila com o Grêmio Barueri

A fase continua difícil para o Santos. Sem técnico desde segunda-feira, quando Vagner Mancini deixou o comando da equipe, devido a goleada sofrida para o Vitória, no último domingo, o Peixe não conseguiu a vitória que queria para dar fim à crise, mas conseguiu um empate com o Barueri, em 3 a 3, na Vila Belmiro. Depois de estar perdendo por duas vezes, por dois gols de diferença, os santistas conseguiram um empate nos minutos finais.

Desta forma, o Alvinegro Praiano agora ocupa a 11º colocação, com apenas 14 pontos ganhos, esperando. Já o clube da Grande São Paulo segue surpreendendo em seu primeiro ano na Série A do Campeonato Brasileiro, na quinta posição, com 18 pontos.

Na próxima rodada, os santistas tem um teste complicado, contra o São Paulo, domingo, no Morumbi. Suspensos, Fabão e Rodrigo Souto não poderão atuar. No mesmo dia, o Barueri recebe o Naútico, na Arena Barueri.

O jogo - O confronto começou com o Santos assustado pela pressão da torcida e se expondo aos contra-ataques do seu oponente. Aos seis, Leandro Castán quase abriu o placar para os visitantes. Douglas se esticou todo para fazer a defesa, conseguindo evitar o primeiro gol do Barueri.

Se aos seis o Barueri assustou, aos 13, balançou as redes. Pimentel cruzou a bola para a entrada da área, Fabão dominou errado, na frente de Val Baiano. O atacante do time da Grande São Paulo aproveitou a falha, dominou a bola e finalizou no canto esquerdo de Douglas, que ainda desviou a bola, porém não conseguiu evitar que o Barueri abrisse o placar na Vila.

O Santos tentou não se abater e foi para cima do adversário. Com 16, quase o Peixe quase empatou. Após bate-rebate, a bola sobrou para Paulo Henrique Lima. O meia dominou, só que na hora de chutar, acabou mando a bola por cima do gol.

Se de um lado Ganso desperdiçou a oportunidade que teve, Fernandinho não falhou aos 17. O avante do Barueri gingou para cima de Wagner Diniz, passando com facilidade, antes de soltar uma bomba, sem chances para Douglas.

Aos 27, mesmo jogando mal, o Alvinegro Praiano conseguiu diminuir a desvantagem. Em cobrança de falta precisa, o meia Madson diminuiu o placar. No minuto seguinte, quase os santistas chegaram ao empate. Roni se antecipou ao zagueiro na dividida, antes de finalizar com força. Atento, Renê fez uma grande defesa e, posteriormente, a zaga afastou o perigo.

A empolgação do Santos sofreu um duro golpe aos 29 minutos, com o terceiro gol do Barueri. Novamente Fernandinho, para cima de Wagner Diniz, levou a bola para a linha de fundo e bateu para trás. Na velocidade, Val Baiano se antecipou à defesa do Peixe, escorando a bola para o fundo do gol.

Irritado com a atuação de Diniz, Chulapa não teve dúvidas em sacar o lateral, bastante vaiado pela torcida. Luizinho entrou em seu lugar.

Depois dessa substituição, o que se viu foi um Alvinegro Praiano desorganizado, perdido em meio a erros de posicionamento e jogadas confusas no campo de ataque, que eram facilmente interceptadas pelo bem postado sistema defensivo do Barueri.

Na volta do intervalo, com Éder no lugar de Pimentel, a equipe da Grande São Paulo viu a sua situação ficar menos confortável. 'Pendurado' com um cartão amarelo, o meio-campista Ralf tocou com a mão na bola. Sem outra opção, o árbitro Guilherme Cereta de Lima mostrou o segundo amarelo para Ralf, antes de expulsá-lo da partida, com um minuto da etapa complementar.

Tentando buscar ânimo para reagir no duelo, os santistas quase diminuíram a contagem, com o volante Rodrigo Souto. Aproveitando-se de uma confusão na área, Souto mandou a bola no travessão, assustando o goleiro Renê.

Aos seis, Rodrigo Souto outra vez levou perigo. O meio-campista pegou bem na bola de fora da área, exigindo uma grande defesa de Renê.

Sem inspiração, mas com bastante garra, o Santos chegou ao seu segundo gol. Aos 35, Paulo Henrique Lima bateu a falta em dois lances, Renê não segurou e o meia Róbson, que havia entrado no lugar do atacante Roni, completou para as redes, 'incendiando' o jogo.

Na pressão, o Peixe quase chegou ao empate. Com 38, Madson cobrou escanteio na cabeça de Kléber Pereira, que subiu mais alto que toda a zaga do Barueri, mas a bola saiu ao lado da trave esquerda de Renê.

E a insistência alvinegra acabou sendo premiada. Aos 43, boa jogada de Luizinho, que cruzou na cabeça de Neymar. O jovem atacante, que entrou no decorrer do segundo tempo, em substituição à Fabão, deixou tudo igual na Vila Belmiro, para alívio do torcedor.

Santo André vence o Furacão e sobe na classificação

Mostrando que não é fogo de palha no Campeonato Brasileiro, o Santo André conseguiu mais uma vitória em casa, desta vez diante do Atlético Paranaense, por 1 a 0, no Estádio Bruno José Daniel. Com o resultado, o time paulista chega aos 17 pontos ganhos, na 6ª colocação. Já o Rubro-Negro, com 11 pontos, fica na torcida para não voltar para a zona de rebaixamento.

Na primeira etapa, algumas oportunidades criadas pelas duas equipes, em uma partida bastante movimentada. Depois do intervalo, o Ramalhão voltou melhor e, depois de pressionar, aos cinco minutos, Vinícius e Valencia dividiram no ar e a bola foi para o fundo das redes para definir o placar final.

Na próxima rodada, o Santo André volta a campo no sábado, diante do Palmeiras, no Palestra Itália, em São Paulo. Já o Atlético Paranaense terá no domingo o clássico diante do Coritiba, na Arena da Baixada, em Curitiba.

O jogo - O time da casa começou melhor, tocando bem a bola e explorando os erros do Furacão. Aos dois minutos, Vinicius quase e complica sozinho e cedeu escanteio para o Ramalhão. Aos cinco minutos, tentando acordar o ataque rubro-negro, Wesley partiu em velocidade, mas também se atrapalhou com a bola. Aos 10 minutos foi a vez de Márcio Azevedo arriscar e Neneca tirar o perigo.

A principal estrela paulista, o meia Marcelinho Carioca, teve a primeira boa cobrança de falta aos 14 minutos, mas o goleiro atleticano, bem colocado, fez a defesa. O Furacão tocava muito mal a bola e facilitava a recuperação do Santo André. Em um lampejo de bom futebol, Wesley invadiu a párea e mandou a bomba para boa defesa de Neneca. Aos 23 minutos, Marcelinho, em linda cobrança de falta, assustou.

No Atlético-PR, o especialista em bolas paradas é Paulo Baier, que aos 26 minutos deu trabalho para o goleiro paulista. Aos pouco o time visitante se soltava, sempre com jogadas em cima de Wesley. Aos 31 minutos, o atacante deixou a defesa para trás e bateu para mais uma boa defesa de Neneca. Aos 35 minutos, Rafael Moura teve a primeira chance, de cabeça, mas desperdiçou. Aos 44 minutos, Elvis mostrou que não estava morto, invadiu a área e disparou um petardo na trave.

Na segunda etapa, o Ramalhão voltou ligado e Elvis, logo no primeiro minuto, bateu de primeira e exigiu grande defesa de Vinicius. No lance seguinte, Nunes cabeceou à queima-roupa e novamente o goleiro atleticano fez milagre. A pressão era muito forte e, até que aos cinco minutos, Marcelinho cobrou escanteio, Vinícius, o paulista, e Valencia dividiram e a bola foi para o fundo das redes. Aos 10 minutos a zaga do ABC quase devolveu o presente após um toque para trás, mas sem a mesma 'precisão'.

O gol acordou os paranaenses, que voltaram a assustar. O zagueiro artilheiro Rafael Santos teve sua chance aos 12 minutos, após cruzamento, mas tocou de cabeça por cima da meta. Aos 17 minutos, Antônio Flávio fez o levantamento na área e a defesa rubro-negra afastou bem. Aos 24 minutos, Chico apareceu de surpresa por trás da zaga e desviou de cabeça para fora. Neneca já estava batido no lance.

Buscando o empate, o Furacão partiu para cima com a entrada de mais um atacante. Aos 27 minutos, Patrick fez jogada individual e, no ultimo drible, foi parado pela zaga. Aos 33 minutos, no seu estilo, Marcelinho Carioca tentou marcar gol olímpico, mas Rhodolfo afastou. O Pé de Anjo apareceu novamente aos 38 minutos, com um chute venenoso que deu trabalho para Vinicius e para a defesa, que tirou sobre a linha. No desespero, Valencia arriscou um chute aos 43 minutos, sem direção.

Cruzeiro perde para o Estudiantes de virada e vê o fim do sonho do tri

Dominado pelo nervosismo, time mineiro joga fora de suas características e é derrotado na decisão da Libertadores num Mineirão lotado.

A campanha invejável do Cruzeiro na Taça Libertadores terminou em tristeza. Após vencer nove dos 13 jogos a caminho da finalíssima, o time foi derrotado de virada por 2 a 1 pelo Estudiantes nesta quarta-feira, diante de 65 mil torcedores no Mineirão. E viu ir por água abaixo o sonho do tricampeonato. Henrique abriu o placar, mas Fernández e Boselli garantiram o tetracampeonato aos argentinos.

O time mineiro foi dominado pelo nervosismo na maior parte do jogo e caiu diante de um adversário que se mostrou organizado no sistema defensivo e que soube explorar falhas de marcação.

Os cruzeirenses, assim, não conseguiram acabar com uma sina recente do futebol brasileiro, derrotado nas últimas seis vezes em que encontrou um time estrangeiro na final. A sequência começou com o Palmeiras, que perdeu para o Boca Juniors em 2000. Depois, fracassaram o São Caetano (contra o Olimpia em 2002), o Santos e o Grêmio (ambos contra o Boca, em 2003 e 2007) e o Fluminense (contra a LDU, no ano passado).

Campeão em 1976 e 1997, o Cruzeiro já havia sido derrotado na decisão de 1977 pelo Boca. O time agora terá de recuperar o ânimo e se concentrar no Campeonato Brasileiro, em que ocupa a parte de baixo da tabela de classificação.

Já o tetracampeão Estudiantes, que havia levado o caneco em 1968, 1969 e 1970, representará a América do Sul no Mundial de Clubes, que será disputado de 9 a 19 de dezembro nos Emirados Árabes. O seu principal concorrente será o Barcelona.

Cruzeirenses demonstram nervosismo

O primeiro tempo apresentou um Cruzeiro muito nervoso e fugindo de suas características, de toque de bola e movimentação constante dos jogadores do sistema ofensivo. Nos primeiros minutos, cada lado parecia querer se impor fisicamente. Verón aproveitou a primeira oportunidade e deixou o braço no rosto de Ramires, revidando o lance de La Plata. O meia cruzeirense, pouco tempo depois, acertou um leve bico na canela de Fernández dentro da área.

A primeira boa chance veio aos 18 minutos, quando Ramires ganhou uma dividida erguendo o pé, mas errou o passe para Wellington Paulista, livre na área. O Estudiantes, fechado na defesa, dava pouco espaço. E Cruzeiro contribuía para o sucesso da retranca ao não avançar seus laterais e insistir em bolas longas.



Durante alguns minutos, na metade do primeiro tempo, os cruzeirenses até deram a impressão de que conseguiriam se impor. Foram três boas jogadas. Pelo meio, Wagner deu passe para Wellington Paulista, mas Andújar saiu a tempo. Pela direita, Jonathan recebeu passe de Marquinhos Paraná e cruzou para fraca cabeçada de Ramires. E, pela esquerda, Kléber fez boa jogada e quase encontrou Wagner na pequena área.

Estudiantes assusta em contra-ataques

O problema é que foi justamente nesse momento do jogo que o Estudiantes encaixou contra-ataques perigosos. Não fossem uma furada de Boselli e desarmes providenciais de Wagner e Gérson Magrão, o Cruzeiro teria ido para o vestiário em desvantagem no placar.

Nos 15 minutos finais da primeira etapa, o jogo voltou a ser como no início: nervoso e com entradas duras. Houve até um início de desentendimento geral, depois que Verón mostrou não ter esquecido a cotovelada na Argentina e empurrou Ramires.
- O jogo está pegado. Nosso time não está colocando a bola no chão, parece muito nervoso - afirmou Kléber, na saída para o intervalo, criticando também o árbitro Carlos Chandía. - Esse juiz é um dos mais fracos que eu já vi.

Dois gols em 12 minutos

Na volta para o segundo tempo, o técnico Adilson Batista comentou que seu time precisava tocar mais a bola, invertendo jogadas com mais rapidez, mas ao mesmo tempo se preocupar com a movimentação do adversário nos contra-ataques.

Logo aos seis minutos, a torcida no Mineirão explodiu de alegria. E graças a uma jogada que o Cruzeiro não havia explorado até então: em uma conclusão de longe. Henrique se deslocou, recebeu passe de Marquinhos Paraná e chutou. A bola desviou em Desábato e fugiu do alcance de Andújar: 1 a 0.

Os cruzeirenses ensaiaram um estilo de jogo de maior paciência, tocando a bola na intermediária de um lado para o outro. Mas a vantagem no placar durou apenas seis minutos. Num descuido da defesa, Cellay recebeu passe pela direita e cruzou à meia altura. Jonathan não alcançou, Fábio saiu em falso, e Fernández - dentro da pequena área - completou para a rede, empatando a partida.

O gol devolveu o nervosismo ao Cruzeiro e fez cair o desempenho de alguns de seus jogadores. Ramires, que já não havia feito um bom primeiro tempo em sua despedida do clube, desapareceu de vez. Wagner, que sentiu uma lesão no tornozelo no início da partida, já não conseguia ajudar na articulação de jogadas e foi substituído por Athirson.

Aproveitando falhas na marcação, o Estudiantes passou a chegar com alguma facilidade à intermediária no ataque. Aos 23 minutos, Boselli recebeu passe, girou e chutou para defesa tranquila de Fábio. Quatro minutos depois, o atacante levou a melhor sobre o goleirão do Cruzeiro. Subiu sozinho na área, após cobrança de escanteio de Verón, e cabeceou no canto: 2 a 1. Com o gol, Boselli chegou a oito e terminou como artilheiro isolado da Libertadores.

O Cruzeiro ainda tentou pressionar o adversário e quase chegou ao empate por três vezes a partir dos 40 minutos. Na primeira, Thiago Ribeiro aproveitou o rebote em uma cobrança de escanteio e soltou uma bomba, acertando o travessão. Depois, livre na área, o mesmo atacante chutou mal, por cima do gol. A chance derradeira veio nos
pés de Thiago Heleno, que também pegou mal na bola.

Ficha Técnica

CRUZEIRO 1 X 2 ESTUDIANTES

Estádio: Mineirão, em Belo Horizonte (MG) Data: 15/07/2009.
Árbitro: Carlos Chandía (CHI). Auxiliares: Patrício Basualto (CHI) e Francisco Mondría (CHI).
Cartões amarelos: Kléber (Cruzeiro); Verón, Braña, Cellay, Sánchez (Estudiantes).
Gols: Henrique, aos seis, Fernández, aos 12, e Boselli, aos 27 minutos do segundo tempo.


Cruzeiro: Fábio, Jonathan, Leonardo Silva, Thiago Heleno e Gerson Magrão; Henrique, Marquinhos
Paraná, Ramires e Wagner (Athirson); Kléber e Wellington Paulista (Thiago Ribeiro).
Técnico: Adilson Batista.

Estudiantes: Andújar, Cellay, Desábato, Schiavi e Germán Ré; Braña (Sánchez), Verón, Enzo Pérez e Benítez (Juan Manuel Díaz); Gastón Fernández (Calderón) e Boselli.
Técnico: Alejandro Sabella.