domingo, 19 de abril de 2009

Dívida trabalhista bloqueia contas do Vitória no Clube dos 13

Uma ação movida pelo lateral Maurício levou a Justiça do Trabalho do Rio de Janeiro a bloquear o repasse das cotas de televisão do Vitória junto ao Clube dos 13 referentes à classificação para a terceira fase da Copa do Brasil e também do Campeonato Brasileiro 2009.

Maurício defendeu o Vitória entre 2002 e 2003, época em que o clube era presidido pelo atual gestor de futebol do rival Bahia, Paulo Carneiro. O procurador do jogador é o empresário André Cury.

O vice de futebol do Vitória, Jorge Sampaio, esteve em São Paulo para pedir empréstimo em uma instituição bancária a fim de financiar a dívida, que já chega a R$ 2,2 milhões. "Não chegamos a fechar a negociação, mas avançamos e esperamos concretizar na próxima semana, parcelando o valor total da dívida", declarou.

Sampaio não escondeu o aborrecimento com a situação, que compromete o processo de reformulação do elenco para o Campeonato Brasileiro, já que o Vitória depende das cotas do Brasileirão para contratar reforços. O clube teria direito a R$ 1,180 milhão mensais, mas por conta do adiantamento de repasses vinha recebendo apenas R$ 920 mil.

Fonte: UOL

Nenhum comentário: