Corinthians é recepcionado com chuva de latas no Morumbi

O novo ônibus do Corinthians ficou com a lataria bastante danificada ao chegar ao Morumbi neste domingo, para o confronto com o São Paulo, pelas semifinais do Campeonato Paulista. A torcida tricolor recebeu a delegação adversária com arremessos de latas de cervejas e algumas pedras.

O vidro frontal do ônibus corintiano quebrou com a recepção na entrada do Morumbi, e os estilhaços quase atingiram o motorista José Messias. A Polícia Militar chegou a prender um torcedor do São Paulo. Transtornados com o incidente, dirigentes do Corinthians cogitam fazer um Boletim de Ocorrência, na tentativa de os prejuízos serem ressarcidos pelo rival.

Vice-presidente de futebol do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva lamentou a violência. "É uma pena que isso aconteça. Devemos contribuir para que toda agressividade se extingua do futebol. Essa não é a marca do São Paulo, e sim de maus torcedores, que estão em todos os lugares", comentou.

O time do São Paulo chegou ao Morumbi pouco depois de seu adversário, por volta de 14h30. Segundo o superintendente de futebol do Tricolor, Marco Aurélio Cunha, o vandalismo contra o Corinthians impulsionou policiais militares a cometerem excessos para conter a euforia da torcida tricolor.

"Acompanhei da janela do ônibus o que aconteceu com a nossa torcida. Os policiais jogaram cavalos em cima dos torcedores, sem a menor necessidade. Não havia razão nenhuma para isso. A torcida só estava acenando para os nossos jogadores, incentivando", reclamou Cunha.

Fonte: Gazeta Esportiva

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas