Conmebol define árbitros das oitavas da Libertadores

Assim como esperado, os times brasileiros contarão somente com árbitros estrangeiros nas oitavas-de-final da Copa Libertadores. A Conmebol divulgou a escala dos juízes das partidas de ida nesta sexta-feira à noite para os seis confrontos confirmados para a semana que vem.

O jogo entre Palmeias e Sport da próxima terça, no Parque Antarcitca, terá a arbitragem do argentino Sergio Pezzota, que terá os conterrâneos Francisco Rocchio e Horacio Herrero como assistentes. Mais cedo nesta sexta, os jogadores do time alviverde já haviam pedido por um árbitro de fora do Brasil.

"Gostamos de árbitros estrangeiros. Pelo fato de ser uma partida de equipes do mesmo país, um árbitro de fora seria melhor. Desta forma, ele não vai favorecer nenhum dos lados", afirmou o lateral-direito Wendel. "Existe uma rivalidade grande entre Palmeiras e Sport, então o juiz precisa ser experiente", completou o jogador.

Já o confronto entre San Martín e Grêmio de quarta-feira, no Peru, terá o equatoriano Carlos Vera como juiz. Ele será auxiliado por Juan Cedeño e Carlos Herrera. O Cruzeiro, por sua vez, encara a Universidad do Chile no dia seguinte com arbitragem de Jorge Larrionda, do Uruguai, e com os assistentes Carlos Pastorino e Eduardo Ponce.

O São Paulo, que enfrenta o Chivas nas oitavas, ainda não teve seu árbitro escolhido, pois o jogo de ida foi adiado por uma semana pela Conmebol devido ao surto de gripe suína no México. Enquanto isso, o gaúcho Carlos Eugênio Simon irá apitar o duelo entre Estudiantes e Libertad da próxima quarta-feira, em La Plata, e será auxiliado por Ednilson Corona e Altemir Haussman.

Fonte: UOL

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas