Conheça a história de Aldo Bobadilla

Novo goleiro o Corinthians já foi campeão da Libertadores e jogou a Copa de 2006.

Aldo Bobadilla é o novo goleiro do Corinthians. O jogador do Independiente de Medellín (COL) assinou contrato com o Timão até o fim de 2011.

Cofira abaixo a História do jogador paraguaio:

Aldo Bobadilla começou sua carreira nas categorias de base do Cerro Porteño (PAR). Pelo clube, foi campeão nacional em 2001 e em 2004, sendo que, dessa segunda vez, como capitão da equipe.


Bobadilla tem no currículo título da Libertadores e participação em mundiais (Crédito: Reuters)

As boas atuações do goleiro chamaram a atenção de clubes de toda a América do Sul e, no fim de 2005, o goleiro paraguaio acabou se transferindo para o Gimnasia y Esgrima La Plata (ARG).

De volta ao Paraguai, ajudou o Libertad a chegar nas semifinais da Copa Libertadores da América de 2006. A boa atuação no torneio chamou a atenção do poderoso Boca Juniors (ARG). Pelo clube argentino, o goleiro conseguiu o título da Libertadores de 2007, como goleiro reserva.

Após a conquista do título, Bobadilla se transferiu para o Independiente de Medellín (COL), que tinha a pior defesa do Campeonato Colombiano. Após a chegada de Bobadilla, a equipe se recuperou e o jogador acabou o torneio como o goleiro menos vazado da competição. A imprensa colombiana elegeu a contratação de Bobadilla como a melhor daquela temporada.

O goleiro voltou a ter grande importância para o clube colombiano em 2009, quando liderou o time na conquista do Torneo Finalizacíon.

Pela seleção paraguaia, o goleiro se mostrou um bom reserva de Justo Villar. Bobadilla teve a oportunidade de jogar a Copa do Mundo em 2006, quando entrou em campo após Villar se lesionar no início da primeira partida do Paraguai na Copa, contra a Inglaterra. O goleiro acabou sendo titular da seleção até sua eliminação, ainda na primeira fase da competição.

Ele participou também da Copa de 2010 como reserva do capitão Justo Villar. O Paraguai fez nesta sua melhor campanha em Copas do Mundo, chegando às quartas de final.

Com a palavra Humberto Peron, colunista do Lance!:

Eu acho uma boa contratação. Os goleiros que o Corinthians tem para substituir o Felipe não deram confiança.

Ele é um goleiro alto, mas ágil. No mercado brasileiro não seria fácil achar um goleiro, então era melhor trazer um estrangeiro mesmo.

A experiência que o Corinthians tem com goleiros estrangeiros não é muito boa. Contrataram o Johnny Herrera e foi um desastre, mas acredito que agora será diferente.

E o melhor é que ele chega pronto para jogar. A torcida não sofrerá muito tempo a falta de Felipe

Fonte: LanceNet!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas