Análise do GPS da Land Rover do goleiro Bruno indica novos locais de buscas em municípios de Minas


O Land Rover do goleiro Bruno, onde foi encontrado sangue de Eliza e de um homem: polícia rastreou uma série de endereços por onde o carro circulou no período em que Eliza esteve em cárcere privado. (Marcelo Theobaldo/Agência Globo)

A análise do sistema de localização por GPS da Land Rover do goleiro Bruno indica, para os investigadores do assassinato de Eliza Samudio, novos locais onde pode haver pistas e até sinais do corpo da jovem. O resultado do rastreamento foi concluído nesta sexta-feira pelo Instituto de Criminalística de Minas Gerais, e enviado aos delegados que comandam a investigação.

No período em que Eliza esteve em cárcere privado e foi executada na região metropolitana de Belo Horizonte, a Land Rover esteve em uma série de endereços em Betim, Contagem, Ribeirão das Neves e Esmeraldas. Policiais farão novas buscas nesses locais.

No veículo – modelo Range Rover – foram encontrados vestígios do sangue da ex-amante do jogador Bruno. Um primo adolescente do jogador contou à polícia que o sangue é resultado de três coronhadas que ele próprio desferiu contra a cabeça de Eliza.

Foi encontrado no carro também sangue de uma pessoa do sexo masculino, que os policiais suspeitam ser do agressor. Para comparar o sangue com o dos principais suspeitos, os policiais pretendiam fazer um teste de DNA de Bruno, Luiz Henrique Ferreira Romão, o Macarrão, e do ex-policial civil Marcos Aparecido dos Santos – suspeito de ter matado Eliza por estrangulamento.

Nenhum dos três, no entanto, cedeu amostras de saliva para os testes. A legislação garante aos acusados o direito de não fornecer provas contra eles mesmos – mesmo princípio que permite aos motoristas suspeitos de embriaguez não se submeter ao teste do bafômetro em blitzes.

O advogado Ércio Quaresma, que defende Bruno e Macarrão, orientou seus clientes a não ceder o material. Marcos Aparecido, que foi abandonado na noite de quinta-feira pelos dois advogados que o defendiam, passou a ser representado pelo advogado Zanone Júnior.

Na manhã desta sexta-feira, estão sendo feitas buscas no sítio do goleiro, em Esmeraldas, e em um sítio de Marcos Aparecido no mesmo município. Neste local, há suspeita de funcionamento de um “ponto de extermínio”, segundo policiais civis de Minas Gerais.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas