domingo, 27 de setembro de 2009

Corintianos reclamam de 'boicote' no aquecimento

Goleiros não puderam usar a área gol para se preparar para o jogo.


Felipe teve que utilizar um parte do gramado do Morumbi.

Um segurança no gramado do Morumbi, minutos antes da partida, irritou o goleiro Felipe e o preparador de goleiros do Corinthians, Mauri Lima. Tudo porque ele não deixou o camisa 1, nem o reserva Rafael Santos, fazerem o aquecimento de goleiros no gol, que fica em frente ao túnel da saída dos vestiários do estádio.

O aquecimento só foi permitido na parte lateral do campo, perto da bandeira de escanteio. Depois de muita insistência, Mauri pôde se dirigir até o meio-de-campo para fazer lançamentos longos aos goleiros. Ao término da atividade, não pouparam críticas.

- Tem de aquecer nesse espacinho. É brincadeira... Nunca vi isso - reclamou Felipe.

- Não se teve explicação (do segurança). Em todos os estádios onde fomos jogar é liberado para os goleiros trabalharem o campo. A gente procura não estragar aquela parte do gramado, aquecemos fora do gol, depois fazemos os cruzamentos. Acontece o mesmo com os time que nos enfrentam no Pacaembu. É importante poder aquecer o goleiro no gol, simular situação de jogo. Espero que não tenhamos mais isso, caso a gente venha a ter uma Copa do Mundo aqui - disse o preparador Mauri Lima.

Fonte: LanceNet!!

Nenhum comentário: