sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Corintianos encaram clássico como trampolim para voltar à briga pelo título

A derrota para o Goiás, no último domingo, esfriou o ânimo dos corintianos que sonhavam com a conquista do Campeonato Brasileiro. Tanto que o astro Ronaldo afirmou, após os 4 a 1 do Pacaembu, que o time já conquistou seu maior objetivo no ano - a vaga na próxima Libertadores - e que os rivais têm de correr atrás.

Mas nada como a proximidade de um clássico para que o otimismo volte a encher os discursos. A nova certeza no Parque São Jorge é de que uma vitória sobre o São Paulo, domingo, devolverá o Corinthians à briga. Se ganhar o confronto do Morumbi e for beneficiado com tropeços dos concorrentes diretos, a equipe alvinegra pode subir da nona para a sexta colocação.

"Entre o terceiro e nono a diferença está muito pequena [seis pontos]. Ainda é possível ter uma reação forte com uma série de bons resultados. É difícil, porque nessa parte do campeonato há um equilíbrio. Mas o histórico diz que em raras exceções dá", disse Mano Menezes.

Uma das exceções foi o próprio São Paulo no primeiro turno deste Brasileiro. O time de Ricardo Gomes ganhou sete jogos seguidos (contra Barueri, Grêmio, Vitória, Botafogo, Goiás, Sport e Fluminense) e saiu da zona de rebaixamento para a vice-liderança do campeonato.

A ideia é compartilhada pelo capitão William, homem de confiança do treinador em campo. "Cinco ou seis vitórias consecutivas nos colocam com certeza entre os quatro", previu o capitão, que, no entanto, admite que Corinthians e São Paulo entrarão em campo mais pressionados caso o líder Palmeiras bata o Atlético-PR no sábado, no Palestra Itália.

Fonte: UOL

Nenhum comentário: