sábado, 6 de março de 2010

Corinthians e São Paulo estão devendo futebol


Foto Ricardo Nogueira / Folha Imagem

Corinthians e São Paulo estão devendo futebol, mas ainda têm crédito. De certa forma, entendo. Os dois estão jogando o estadual com times mistos, experimentando variações táticas e aproveitando para dar ritmo aos elencos. A ideia é ter todos os jogadores disponíveis para a Libertadores. Faz sentido. Sou favorável a preservar os titulares, testar jogadores e colocar todos em forma.

Por outro lado, o rodízio prejudica o entrosamento e o padrão de jogo.

Na Libertadores, os dois estrearam com vitória, em casa. O Corinthians teve mais dificuldade, mas superou o nervosismo e mostrou paciência contra a catimba uruguaia. O São Paulo venceu os reservas mexicanos, mas também não convenceu. Não importa. Venceram. Já vi estreias piores, com equipes que depois levaram o título.

Fora de casa, o São Paulo perdeu para o Once Caldas. Normal. Não foi a primeira vez. O Tricolor nunca foi campeão invicto. Entre os brasileiros, só o Santos com Pelé, em 1963. O Corinthians ainda não jogou fora. Vai ter dificuldade contra o Medellim. Normal.

Neste mês de Março, a cobrança pelo bom futebol vai aumentar.

Faltam 7 rodadas para o mata-mata do Paulista. Quem ficar fora será cobrado, mesmo sabendo que as semifinais podem atrapalhar na Libertadores. Não importa, torcedores e cartolas não querem saber. Querem ganhar todos os títulos. É por isso que os clubes montaram elencos para dois campeonatos.

São Paulo e Corinthians precisam começar a vencer para ganhar confiança e garantir a classificação nas decisões. O ritmo pode até continuar lento, contanto que classifiquem para o mata-mata da Libertadores que começa em maio.

Prefiro aguardar. Uma avaliação negativa agora seria precipitada.

Não quero queimar a língua de bobeira.

PS: Acabei de receber o mewsletter da “Máquina do Esporte”, um site muito legal que leio quase todos os dias. Veja só. O jogo 0×0 em Itápolis foi bem no Ibope. A matéria é do jornalista Guilherme Costa.

” Curiosamente, os dois melhores índices da Globo com o Campeonato Paulista em 2010 aconteceram em jogos do São Paulo, ambos registrados em noites de quarta-feira. A exibição do confronto com o Oeste rendeu à emissora carioca os mesmos 22 pontos que havia marcado o embate entre a equipe do Morumbi e o Mirassol, no dia 20 de janeiro.

Sem o São Paulo, a Globo só chegou a 21 pontos. O resultado foi registrado em duas rodadas seguidas (clássico entre Corinthians e Palmeiras, em um domingo, e duelo do time do Parque São Jorge com a Ponte Preta numa quarta-feira). “

Fonte: Blog do Fernando

Nenhum comentário: