domingo, 18 de outubro de 2009

Proposta de mudança de calendário incomoda Muricy

Rei dos pontos corridos, Muricy Ramalho tentou mostrar descaso com a proposta de mudança da fórmula do Campeonato Brasileiro, após voltarem a falar no possível retorno do mata-mata. É nas entrelinhas que o treinador demonstra incômodo com a possível alteração.

"No Brasil, a gente nunca está satisfeito com nada. Antes nós queríamos ser iguais à Europa. Agora existe planejamento e se entendeu como funciona a competição. Acontece que o futebol é um grande negócio e os caras mudam de ideia rapidinho", afirmou o treinador, que venceu os últimos três campeonatos com formato de pontos corridos, pelo São Paulo.

O técnico reclama que uma mudança significativa na estrutura do futebol deveria ser feita após debate envolvendo também os técnicos. "Ninguém chama a gente para perguntar o que acha. Para não me aborrecer, eu adotei o caminho: quer jogar na quarta-feira, eu jogo. Quer jogar mata-mata, também jogo".

Ele se refere à mudança na data da partida contra o Santo André, na próxima rodada. Para atender aos interesses das emissoras de televisão, o confronto vai acontecer na próxima quarta, no ABC paulista. "Não adianta falar nada. Quem manda são os caras. Eu tenho que jogar. Daqui a pouco muda de novo. Eu nunca reclamo de nada", deu de ombros o comandante palmeirense.

Fonte: FI

Nenhum comentário: