Mano prega futebol ofensivo para inibir 'show' de meninos da Vila

Mano Menezes afirma ter estudado minuciosamente o time do Santos, acreditando que a única forma de conter a ofensividade dos meninos da Vila é respondendo na mesma moeda: atacando para inibir o adversário. Para o clássico deste domingo, às 16h, no Pacaembu, o treinador corintiano projeta equipe “para frente”, embora não tenha citado os jogadores que formarão a equipe.

Na avaliação de Mano Menezes, saíram derrotados aqueles que enfrentaram o Santos com o intuito de se defender. Já os que empurraram o Santos para a defesa tiveram aproveitamento melhor em campo.


Mano Menezes alega que Santos sente mais dificuldade contra times que atacam.

Mano cita o comportamento do Corinthians na derrota contra o Santos, 2 a 1, na Vila, pelo Estadual, quando a equipe do Parque São Jorge desperdiçou chance de empate com Tcheco, no segundo tempo, quando a equipe tinha apenas nove em campo.

“É lógico que precisamos atacar o Santos, nenhuma equipe que veio para se segurar contra o Santos. E aqueles que atacaram o Santos tiveram sucesso. E nós também vimos quando atacamos o Santos na segunda parte [do jogo na Vila]. Conseguimos criar jogadas objetivas. Mas só vontade de atacar não é suficiente. É preciso ter capacidade, fortalecendo a retomada de bola”, explicou.

A ausência de Robinho, que integra a seleção brasileira, é minimizada por Mano, que considera o Corinthians maior prejudicado na comparação Robinho-Ronaldo.

“Talvez a gente perca até um pouco mais. O Santos já tinha formação antes do Robinho. Essa formação se mantém com o André. Mesmo assim não adianta ficarmos reclamando por ter perdas. Temos que provar nossa condição e atacar”, acrescentou o técnico.

Para o duelo no Pacaembu, o Corinthians não terá Ronaldo e Alessandro, lesionados. No meio-campo, Bruno César, Paulinho e Jucilei disputam uma vaga. Bruno César leva vantagem. No ataque, Jorge Henrique deve retornar ao time titular. Com isso, Defederico perde posição.

O Corinthians deverá ser formado por Felipe; Moacir, Chicão, William e Roberto Carlos; Ralf, Elias e Bruno César; Jorge Henrique, Dentinho e Souza.

Fonte: UOL

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas