quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Leia frases dos candidatos a presidente no debate Folha/UOL


VO jornal Folha de S.Paulo e o portal UOL promoveram nesta quarta-feira um debate inédito pela internet entre os candidatos à Presidência da República. Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV) participaram do encontro no Tuca, teatro da PUC-SP (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo), transmitido ao vivo pelo UOL.

Acompanhe a seguir algumas frases ditas pelos candidatos durante o encontro:

Dilma Rousseff (PT)
“Entendo que vocês [a imprensa] procurem sempre um acontecimento súbito. Agora, acredito que não são as pesquisas que decidem a eleição. Até lá, quanto mais a gente debater, é melhor para o eleitor. Contribui mais para o processo de decisão do eleitor do que altos e baixos em pesquisa.”

"A diferença é que nós reconhecemos que votamos errado. Nós, hoje, aprovamos a lei de responsabilidade fiscal, aprovamos perfeitamente o Plano Real."

"Acho um verdadeiro absurdo um candidato a presidente da República [Serra] dizer que o Enem está desmoralizado porque uma gráfica, que está sendo investigada, vazou as provas. Sabemos que qualquer sistema no mundo é passível de ser vazado."

“Acredito que esse seu número [de Serra, sobre impostos e investimentos] seja bastante antigo. A última vez que mencionou era de 2008. Então, era bom atualizar e ver se essa sua informação tem consistência.”

“Diante da crise, tivemos uma reação muito clara. Reduzimos IPI de automóvel, da linha branca, da construção civil. Fizemos todo um esforço de redução tributária para manter a economia funcionando.”

“Acho que você, Serra, teve uma avaliação errada da crise. Você supôs que ela ia ser mais profunda do que foi. Até seria se a gente utilizasse os padrões vigentes no Brasil do governo anterior, do Fernando Henrique Cardoso.”

José Serra (PSDB)
"Vamos ver as surpresas ao vivo, aqui, agora. Eu trouxe as minhas ideias, como sempre".

"Essa história de reforma política, constituinte especial, acaba não levando em nada."

"O que o PT já aprontou em matéria de quanto pior, melhor no Brasil, não está escrito. Em matéria de quanto pior, melhor, o PT foi campeão. Expulsou os deputados que votaram a favor do Tancredo no Colégio Eleitoral. Na Constituição, teve até discurso no final contra o texto constitucional. Votou contra o plano real. Haja quanto pior melhor."

“Em matéria de quanto pior, melhor, o PT é imbatível, ganha de goleada de qualquer partido brasileiro."

"Você [Dilma] tem fixação no passado. É muito ingrata com o Fernando Henrique [Cardoso]. Ingrata com o Fernando Henrique e o Itamar, porque eles fizeram o Plano Real."

"O PT sindicalista, que vocês recorrem para fazer campanha, quer fechar todas as OS [Organizações Sociais]."

"Esse negócio do DEM [limitação ao Prouni, de bolsas para universitários], você também não está preocupada. Algum assessor te deu isso e você vem aqui para criar alguma dificuldade."

"É falso que foi proibido a União de construir escola técnica, isso é mentira que vocês estão divulgando o tempo inteiro. Sabem por que fazem isso? Porque até 2006 vocês não fizeram nada em matéria de escola técnica."

"O programa que a Dilma dirigiu [PAC] fez praticamente nada até agora do ponto de vista de casas entregues efetivamente."

“Não foram 20 anos de PSDB, foram 16 [no governo de SP].”

"Dilma, você fica tão ligada para trás, o espelho retrovisor é tão grande, às vezes maior que o para-brisas, que não vê o que seu governo fez."

"O imposto Pis-Cofins sobre saneamento aumentou de 3% para 7,6% no seu governo. Estou estranhando que você [Dilma] não saiba disso."

"Não fiz loteamento na Prefeitura de São Paulo, não fiz loteamento no governo do Estado. É preciso dar um choque no Brasil, pôr um fim a esse troca-troca desavergonhado."

"Demos, sim, incentivos fiscais em São Paulo durante a crise. Incentivos fortíssimos."

"A luz que a gente acende hoje, a gente paga mais do que o dobro de imposto federal do que pagávamos. E eu vou mudar essa situação."

"Em política, nem todos são iguais. Eu não tenho compromisso nenhum com o erro. Agora, os erros acontecem. Mas há uma diferença, de como são tratados os erros."

"Eu não passo a mão na cabeça de quem comete barbaridades."

"Por exemplo, o Lula chamou de aloprados aqueles que fizeram um dossiê contra mim. Ninguém foi punido."

"O José Dirceu, segundo o Ministério Público, foi o chefe da quadrilha [do mensalão]. Foi punido pelo Congresso, mas, do ponto de vista partidário..."

"Meu estilo é conhecido. Um estilo de governo aberto, eu governo para o interesse público, não para partidos, para amigos. Não passo a mão na cabeça de que fez malandragem."

"O José Dirceu, que é considerado o chefe, pelo Ministério Público, da quadrilha do mensalão, e hoje tem um papel muito importante dentro do PT e da própria campanha da Dilma. Eu não passo a mão na cabeça de quem transgrediu."

Marina Silva (PV)
"Espero que de fato seja debate. Que a gente possa discutir ideias e propostas. Não aposto na ideia do embate. Na política, a gente não precisa posar de super-herói. Os seres humanos são falhos, os seres humanos são faltosos."

"Com o presidente Lula, já são dois ex-presidentes que tentaram fazer reforma política, e não foi possível. Não foi possível porque a conformação das alianças que constitui a base de sustentação desses dois ex-presidentes são aqueles que se beneficiam do processo viciado que nós temos hoje, que vai na direção do fisiologismo e da política do toma-lá-dá-cá."

"Mesmo com 20 anos de governo do PSDB, temos graves problemas em relação à educação."

"O ensino profissionalizante não pode ser essa vergonha que faz com que nossos jovens não tenham acesso a educação de qualidade."

"Em 20 anos de governo do PSDB, não temos um exemplo a ser transformado em políticas públicas para o Brasil [na educação]. E está se dizendo agora que se vai fazer em quatro anos aquilo que não se fez em 20."

"Não tenho essa atitude de oposição pela oposição. As coisas boas nós vamos manter."

"Fiquei um pouco preocupada. Começa-se um ensaio aqui de quase um pugilato. Acho que temos de ir aos fatos que interessam ao Brasil."

"A composição política da ministra Dilma é a mesma que interditou a reforma política do governo do Presidente Lula durante oito anos. A composição política que o governador José Serra tem é a mesma que interditou a reforma política, a reforma tributária, a reforma da previdência durante oito anos."

"As pessoas se comprometem nas campanhas com as reformas, mas, quando ganham, reformam suas propostas."

"Sou a única aqui que teve liberdade de escolher seu vice."

"Segundo turno a gente discute no segundo turno. A diferença nessas eleições é o projeto que estou apresentando."

"A única forma de a sociedade brasileira sair do anonimato é elegendo Marina Silva para a Presidência da República."

"Estão querendo infantilizar os brasileiros com essa história de pai e mãe [referência à campanha de Dilma]".

"Que se pare de ficar fazendo uma farofa de números, que não discute os objetivos de que o Brasil precisa."

"A educação faz milagres na vida das pessoas. Eu sou um milagre da educação."

"Nós vamos fazer em quatro anos na educação aquilo que não foi feito em 50."

"Caixa 2 nunca. Se as doações não forem feitas com amor, que sejam feitas com pudor."

Fonte: Bol

Nenhum comentário: