terça-feira, 14 de setembro de 2010

Paulo Ricardo - Vidas Passadas

Eras a gata de um feiticeiro. A tua pelagem era cinzenta e sedosa. Tinhas fama de caçadora exímia e eras o terror das ratazanas.

Nos teus tempos livres, gostavas de afiar as unhas nas capas dos livros de magia e de derrubar os tubos de ensaio na bancada do laboratório.

Morreste após longos anos de uma existência preenchida e feliz, deixando para trás uma descendência bem sucedida de trinta e nove gatinhos.

Nenhum comentário: