Com tempo de sobra para trabalhar, Mano promete Timão diferente contra o Coxa

Treinador corintiano acredita em evolução da equipe até o próximo jogo, dia 16. Marcelo Mattos e Matías Defederico devem estrear no Paraná.

Em meio a uma temporada agitada, com chegada e saída de jogadores na abertura do mercado europeu, os treinadores são unânimes em dizer que precisariam de mais tempo para trabalhar seus times. E o desejo de todo técnico se transformou em realidade. Pelo menos, no Corinthians. Com a mudança no calendário, Mano Menezes ganhou espaço para ajustar alguns detalhes e colocar o Timão definitivamente na briga pelo título do Campeonato Brasileiro.


Técnico do corinthians vai ter um bom tempo para montar a equipe para o resto do campeonato.

O Alvinegro jogou pela última vez na quarta-feira, vencendo o Santos por 2 a 1, de virada, no Pacaembu. A próxima rodada será apenas no dia 16 de setembro, diante do Coritiba, no Couto Pereira. Serão 14 dias livres. Na terça-feira, a delegação segue para Itu, onde permanecerá até sábado.

- É o que a gente sempre sonha para melhorar o rendimento. É um bom período para encaminhar situações diferentes e novas que realmente precisam de treinamento. Isso faz com que a gente tenha uma condição um pouco diferente para enfrentar o Coritiba - disse Mano.

O técnico, aliás, terá muito a trabalhar no interior de São Paulo. Primeiro, para encaixar no time os recém-chegados Marcelo Mattos e Matías Defederico. Segundo, para recuperar alguns jogadores lesionados, como o zagueiro William, o volante Edu, o lateral-direito Alessandro e, claro, Ronaldo.

- Com esse tempo, aumenta a possibilidade de alguns retornos acontecerem - acrescentou.

Mano até começou a antecipar os ajustes, principalmente de Marcelo Mattos e Defederico. Como estão bem fisicamente, ambos devem encarar o Coxa como titulares.

- O Marcelo, talvez, tenha a necessidade de ganhar mais força física, potência. Ele joga em uma função que exige muito isso. Mas a qualidade técnica compensa. Já sobre Defederico, precisamos ir conhecendo no dia a dia. Tive duas conversas com ele, uma na parte tática, sobre qual função fazia no Huracán-ARG e o que fazia com ou sem a bola - completou.

Fonte: Globo Esporte

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas