Mano Menezes elogia Timão sem o diferencial: a Fiel

Ao contrário das partidas decisivas na Copa do Brasil, o Corinthians contou com um público reduzido na vitória deste sábado contra o Coritiba, pelo Campeonato Brasileiro. Pouco mais de 6 mil torcedores estiveram no Pacaembu. Por isso, segundo o técnico Mano Menezes, o Timão precisou se superar em campo.

"Foi mérito do time, muito mais do que o Pacaembu, que estava quase vazio. O estádio lotado empurra. Hoje tivemos que criar as dificuldades para o Coritiba. Foi nosso grande mérito", analisou o treinador.

Um detalhe extra trouxe dificuldades ao Corinthians. Quatro titulares ficaram de fora do jogo: o zagueiro William, o lateral esquerdo André Santos e os atacantes Ronaldo e Jorge Henrique. Diego, Marcelo Oliveira, Wellington Saci e Souza foram os substitutos.

Mano Menezes enalteceu a participação dos reservas. "Aqueles que entraram foram muito bem. Utilizamos um posicionamento diferente com base no que observamos no jogo anterior do Coritiba. Isso neutralizou o adversário", exaltou.

De olho na final da Copa do Brasil contra o Internacional, Mano Menezes fez questão de observar o volante Marcelo Oliveira na lateral esquerda. Afinal, o titular André Santos é desfalque certo no dia 17.

"É importante que os jogadores estejam preparados. Coloquei o Marcelo pensando nisso, ele tem mais estatura, sabe que vamos jogar contra um time (Internacional) que vai nos exigir na bola aérea. Gosto de ir preparando aos poucos para, se houver necessidade, escalar o atleta", avisou o comandante corintiano.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas