Quinta etapa do Rally Dakar teve 763 Km entre Neuguen até San Rafael

A quinta etapa do Rally Dakar mais uma vez deu muito trabalho para pilotos na categoria Motos. A etapa que saiu de Neuguen até San Rafael, teve 173 km de deslocamento, 506 de Especial e mais 84 km de deslocamento final.

Marc Coma teve o pneu furado obrigando a parar por 20 minutos, o que favoreceu Cyril Despres. Despres logo teve problemas perdendo 7 minutos em sua vantagem. A vitória nas Motos foi do piloto norte-americano Johan Street com 06h41min06s.

José Hélio, o brasileiro mais bem colocado na categoria, completou o dia de prova com o tempo de 07h17min, conseguindo a 12ª posição, mesmo tendo sofrido a penalidade de 20 minutos na etapa anterior, devido a excesso de velocidade em área controlada.

Nos carros o sul-africano Giniel de Villiers fez bonito e venceu a etapa do Rally com 5h47min43s, assumindo a vice-liderança na geral da prova. Carlos Sainz teve o carro destruido por um incidente, chegando em nono lugar. Nasser Al Attiyhah conquista o quarto lugar da etapa, mas na Geral, Nasser Al Attiyhah lidera o Rally.

Caminhões

Trio com o piloto Firdaus Kabirov, e seus navegadores Aydar Belyaev e Andrey Mokeev, vence a etapa do dia na categoria. Na Geral segue a equipe de Gerard de Rooy, Tom Colsoul e Marcel Van Melis, que conquistaram o terceiro lugar na etapa desta quarta-feira.

Acidentes do Dakar

As dificuldades do Rally Dakar mostram a dura realidade em cada etapa da edição 2009. Nesta quarta-feira, não foi diferente. Aos 49 anos, o piloto francês Pascal Terry, infelizmente foi encontrado morto, o que informou a organização da prova.

Encontrado em local de acesso difícil, Terry estava a menos de 20 metros de sua moto, numa área de vegetação densa e complicada de entrar. Sem o capacete devido ao calor, foi encontrado com alimentos por perto. As investigações da causa da morte foram iniciadas pela polícia de La Pampa.

Fonte: Terra

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

Frases de Amor e Frases Românticas