Pular para o conteúdo principal

Citadini e “Seo Alberto”: Recordar é viver

Antonio Roque Citadini foi homem forte do Corinthians durante um determinado período da era Dualib.



Por mais que se tentem oculta-lo e até ignorá-lo, este fato ficou marcado nas páginas da história.



É inócuo o processo de blindagem deste fato.


Extraídos do seu próprio blog:



http://www.citadini.com.br/corinthians/corinews030223.htm



trechos de uma reportagem realizada pelo jornalista Wagner Vilaron, publicada no Jornal Estado de São Paulo, em 2003.



Recordar é viver.



Seguem alguns trechos da matéria.







O HOMEM FORTE DO CORINTHIANS



“Às vezes eu faço as coisas por birra mesmo”

citadini-charge1





Mas se um dia encontrar Citadini pessoalmente, lembre-se: não faça comparações dele com o já falecido cartola (.:Vicente Matheus). E o atual vice-presidente corintiano tem razões que extrapolam questões políticas internas para ficar incomodado.



As únicas similaridades entre os dois são o fato de comandarem o mesmo clube e verem cada palavra que falam transformar-se em manchetes dos jornais no dia seguinte.

Se Matheus estudou até o segundo ano primário (não pôde continuar porque trabalhava com o pai na pedreira da família), não se acertava com a língua portuguesa e viajava freqüentemente para Las Vegas a fim de visitar os cassinos, Citadini tem perfil diferente. É intelectual, autor de diversos livros sobre Direito e até uma biografia sobre o jogador Neco



Expressa-se bem, é articulado, membro do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE) e, nas horas vagas, adora viajar o mundo para assistir a óperas, seu gênero musical favorito.

PODER - Basta conviver um pouco nos bastidores do Corinthians para perceber que “vice-presidente de futebol” é apenas a nomenclatura formal do cargo que Roque Citadini ocupa no clube.

Na prática, é o autêntico “homem forte”. Participa de todas as decisões relacionadas ao Departamento de Futebol.

Desde a negociação de contrato dos atletas das categorias inferiores até a formulação de parcerias com empresas multinacionais. “Confesso que no começo não tinha a dimensão exata do que era ser dirigente do Corinthians.”

Alberto Dualib é a pessoa que conta com sua mais alta admiração no futebol.

Foi pelas mãos do presidente que o membro do TCE chegou a um cargo de destaque no Corinthians. Sócio do clube desde 1971 aproximou-se do “chefe” no início dos anos 90, quando participava de um grupo de 15 pessoas que prestavam suporte e orientação à presidência.



Com seu estilo peculiar, Citadini chamava a atenção nos encontros.



“Então, no segundo semestre de 2000, o clube passava por um momento delicado (havia perdido para o Palmeiras na Taça Libertadores da América), com muita pressão e o ambiente estava bastante conturbado com aquela seqüência de dez derrotas consecutivas”, lembra Citadini.



“Então, quando estávamos na oitava derrota, o dr. Alberto me chamou e disse que como eu gostava de dar opinião, poderia dirigir o futebol. Nunca planejei isso, mas aceitei.”

Era o início de mais um legado corintiano que, diante das evidências, deve perdurar muitos anos - para desespero daqueles que não conseguem engolir Citadini e felicidade dos que o admiram. Graças à modéstia (adjetivo que provoca certa estranheza ao ser associado a Citadini), evita falar abertamente que será o próximo a ocupar o cargo máximo do clube. “Nunca planejei e me programei para chegar a nenhum cargo aqui dentro. E nesse caso não vai ser diferente”, despista.

No entanto, é Dualib quem se encarrega de mostrar como vai ser o futuro.

“O meu sucessor, que está aqui do lado (e aponta para Citadini)…”, é a frase que utiliza como introdução em reuniões da qual ambos participam.



(O ESTADO DE S. PAULO, ESPORTES, 23/2/2003, p. E-6)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Adivinhas

O que são adivinhas, advinhações, o que é o que é, folclore, humor, cultura popular
Adivinhas: humor e desafioO que sãoAs adivinhas, também conhecidadas como advinhações ou "o que é, o que é" são perguntas em formato de charadas desafiadoras que fazem as pessoas pensar e se divertir. São criadas pelas pessoas e fazem parte da cultura popular e do folclore brasileiro. São muito comuns entre as crianças, mas também fazem sucesso entre os adultos.Alguns exemplos de adivinhas:- O que é que é surdo e mudo, mas conta tudo?
Resposta: o livro- O que é o que é que sempre se quebra quando se fala?
Resposta: o segredo- Ele é magro pra chuchu, tem entes mas nunca come e mesmo sem ter dinheiro, dá comida a quem tem fome?
Resposta: o garfo

- O que é que passa a vida na janela e mesmo dentro de casa, está fora dela?
Resposta: o botão- O que é o que é feito para andar e não anda?
Resposta: a rua- O que é o que é que dá muitas voltas e não sai do lugar?
Resposta: o relógio- Qual é a piada do fotógr…

Frases de Amor e Frases Românticas

Frases de Amor e Frases Românticas, belas palavras de carinho, frases perfeitas para você se declarar ao seu amor. Agrade quem você ama com essas belas frases de amor, de amizade, de carinho…



“Ainda que nas noites frias e solitárias, sinto o vento me acariciar, mas ao mesmo tempo me lembro de você ao meu lado a me amar…”
Roberto Klaro



“Um dia ousei sonhar um amor, e nos seus braços senti paz, na imensidão do seu prazer me realizei, e então acordei desse sonho fora da lei!”
Adriana Mallet



“A velocidade do amor é proporcional às concentrações de respeito, humildade, alegria, amizade, sinceridade e compromisso presente na vida de cada um de nós, multiplicada por uma constante essencial em nossos corações: a capacidade de amar.”
Edilene Gadelha



“Ao tocar seu coração pude sentir algo diferente acontecer,forte como um vendaval e lindo como um amanhecer.”
Alan Capato



“Se tudo o que existe no mundo possuísse uma fonte de energia, com certeza a minha seria você.”
Willians Levi

“O verdadeiro amor não traz…

Cronologia (1960 – 2008)

---------------------------------------------------------------------

1960

---------------------------------------------------------------------







13.fev.1960 - A França explode sua primeira bomba atômica.

14.fev.1960 – Um grupo de sobralenses funda o Rotary Clube de Sobral. Sua primeira diretoria estava assim constituída – Presidente: José Silvestre Saboia de Albuquerque (Zeca); Vice-presidente: José Mendes Mont’Alverne (Dr. Zé Alverne); Secretário: Armando Homem de Siqueira; Tesoureiro: Raul Vieira Lima; Diretor de Protocolo: Antonio Albuquerque Lopes; Diretores sem pasta: Edmundo Monte Coelho e José Walmir Frota.

05.mar.1960 - Após dois anos servindo o Exército, Elvis Presley retorna à vida civil.

02.abr.1960 - Em acordo assinado com a França, a ilha de Madagascar torna-se um Estado independente dentro da comunidade francesa.

03.abr.1960 - Uma coligação entre radicais e conservadores ganha as eleições gerais no Chile.

04.abr.1960 - É realizada a entrega do Oscar nos EUA. Foram agraciados …