terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Caixa já desmente estar negociando com o Corinthians

O Corinthians pode estrear no Campeonato Paulista, no dia 22 de janeiro, contra o Barueri, sem patrocínio no uniforme. O clube alvinegro, no entanto, segue negociando com interessados, e a Caixa Econômica Federal seria um deles, mas a estatal descarta.

- Existe negociação com a Caixa (Econômica Federal), mas não é só com ela. Há outras empresas com quem estamos negociando, mas não há nada fechado ainda - afirmou o assessor de imprensa do clube.

O gerente nacional de esporte da empresa estatal, Gerson Bordignon, nega a informação e toma como definitiva a impossibilidade de patrocinar o Corinthians, já que o marketing esportivo da CEF se limita a esportes olímpicos e paraolímpicos.

- O foco de atuação da Caixa no segmento esportivo é o patrocínio ao atletismo, à ginástica olímpica, ao paradesporto e à luta olímpica, por intermédio de suas respectivas confederações e comitês. A estratégia da Caixa em marketing esportivo não envolve futebol - diz Bordignon.

No ano passado, o Corinthians estampava na camisa o patrocínio da Medial Saúde, que não aceitou porém pagar a quantia pedida pelo clube paulistano para renovação. Especula-se que o valor pretendido pela diretoria corintiana beire R$ 20 milhões.

Com a saída da empresa de planos de saúde, o Corinthians ainda tem problemas para encontrar um patrocinador. Enquanto o presidente Andrés Sanchez esperava um desfecho nas últimas semanas, o marketing corintiano ainda não chegou a um acordo.

Fonte: Terra

Nenhum comentário: